Distribuidora Hyundai para Garanhuns e Região da linha HB20 e CRETA

Distribuidora Hyundai para Garanhuns e Região da linha HB20 e CRETA
Distribuidora Hyundai para Garanhuns e Região da linha HB20 e CRETA

quarta-feira, 21 de março de 2018

Professores da Rede Municipal deflagram greve parcial em Garanhuns

Assembleia nesta quarta, 21 de março, decidiu por greve parcial  dos professores

Professores Municipais de Garanhuns deflagaram na manhã desta quarta-feira , 21 de março, uma greve parcial.  De acordo com informações do Sinpro (Sindicato dos Professores), os educadores trabalharão somente meio expediente nos três turnos. Ainda segundo o sindicato, uma contabilidade feita  na noite desta quarta, revelou que cerca de 85 % dos professores em sala de aula e sala de leitura aderiram a greve. 

Para Paulo César, diretor do Sinpro, são vários os motivos da paralisação parcial, entre estes, a falta de negociação  do Governo Municipal, a mudança na carga horária da categoria e o  descumprimento do PCCR ( Plano de Cargo e Carreira e Remuneração). 



"O que a gente quer é chamar a atenção do gestor público para negociar com a categoria  e rever esse projeto de lei.  Queremos entrar em negociação.  O prefeito fala na imprensa que está em negociação , mas a verdade é que ele não negocia com ninguém.  O que queremos é a melhoria da qualidade do ensino e isso passa por condições de trabalho dignas para o professor", ressaltou Paulo César.  Ele ainda argumentou que a greve parcial vai durar até o dia  02 de abril. "Se até lá não houver avanço nas negociações há uma possibilidade de parada total dos professores", pontuou o sindicalista . 

 "Estamos na luta por uma educação de qualidade, e para que isso aconteça é fundamental a valorização dos professores e salários de acordo com o PCCR que está vigente e é lei. Além disso, queremos melhores condições de trabalho, material didático, merenda de qualidade, fardamento no início do ano, apoio para os alunos com necessidades especiais que até agora não chegaram nas escolas, entre outras reivindicações.  É sabido pela população que temos sofrido desde o ano de 2015 com a gestão municipal. Além de não termos um aumento salarial linear estamos tendo perdas de carga horária e salarial provocando também o achatamento dos nossos salários porque a Gestão Municipal não aplica o PCCR ", desabafou um educador. 

NOTA DE ESCLARECIMENTO DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO 
Nota de resposta - Paralisação da Rede Municipal de Ensino A respeito da escolha de paralisação por parte de alguns professores da Rede Municipal de Ensino, a Secretaria de Educação de Garanhuns informa que respeita o direito da classe ao realizar o ato e aproveita para informar que está aberta ao diálogo com representantes da categoria, como sempre esteve em outros momentos, para que, em conjunto, possa haver análise dos temas reivindicados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...