segunda-feira, 29 de junho de 2015

A BOMBA QUEBROU: Bairros de Garanhuns continuam sem água e COMPESA afirma que resolve hoje


A história do desabastecimento d´água em Garanhuns, que se acentuou desde o início do ano,  adquiriu ares de dramaticidade. Falta água no Indiano, Aluísio Pinto, Magano, Jardim Petrópolis, Boa Vista, e em quase todos os bairros do município. 

A desculpa desta vez é a de outras muitas inúmeras vezes. Uma bomba quebrou porque foi inundada por um vazamento em uma estação elevatória na barragem de Inhumas. Até ai tudo bem. Imprevistos acontecem. O que a população não aguenta mais é a repetição desse álibi, toda vez que o precioso líquido desaparece das torneiras. Não é brincadeira pessoal.   Quebra uma bomba, é consertada, estoura um cano. O cano é consertado, quebra outra bomba. Quando não dá problemas na tubulação de Inhumas, dá na barragem do Cajueiro. A Compesa estabelece um prazo para o conserto, mas nunca é cumprido.  A situação chega a ser ridícula, e teria tudo pra se tornar cômica se não fosse tão trágica e não prejudicasse tanta gente.  Não dá mais pra admitir que Garanhuns, com todos os seus mananciais cheios, não possa usufruir daquilo que a natureza, e sua condição climática privilegiada, generosamente lhe deram. 

O pior é que a gente pode até não saber quando as bombas serão consertadas, mas as causas pelas quais elas quebram, sim.  Má gestão e falta de investimento do Governo do Estado no sistema de distribuição d´água da cidade ao longo dos últimos anos. Diante de tanta incompetência, alguma coisa tem que ser feita e já. Garanhuns vai receber 87 milhões de reais para uso em melhorias no esgotamento sanitário. O mesmo valor não deveria ser liberado para modernizar o sistema de abastecimento d´água? Ora sem água, nem esgoto há.

O diretor geral da Compesa em Garanhuns, em entrevista ao radialista Eduardo Peixoto, da Rádio Jornal, até falou que está previsto um investimento que pode melhorar esse martírio dos garanhuenses, mas lá pra 2017, ou 2018. Até lá a população vai continuar sofrendo e nada vai ser feito?  Precisamos da água diariamente, pra já, pra hoje.  Se ela atrasa nas torneiras das residências, a conta chega religiosamente em dia e, já que pagamos pelo serviço, exigimos que ele seja de qualidade.  Está mais do que na hora de o Ministério Público entrar no circuito e exigir que a COMPESA se modernize e invista em si própria, sob pena de pagamento de pesadas multas para cada dia sem água nas torneiras. 

Sobre a última interrupção no fornecimento de água pela Compesa em Garanhuns, que vem gerando inúmeras reclamações por parte dos usuários,  Galindo afirmou que o problema ( mais uma bomba quebrada e alagada) seria sanado, possivelmente nesta segunda-feira (29/06). Infelizmente, não dá pra mais pra acreditar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger