segunda-feira, 3 de agosto de 2015

"José Cláudio confessa que matou Patrícia com soco dentro de motel em Garanhuns no mesmo dia de seu desaparecimento", diz rádio


Os desdobramentos do Caso Patrícia da  Silva Pereira, após a prisão do caminhoneiro José Cláudio Marques de Siqueira, parecem apontar para um desfecho trágico. É o que diz o programa Ronda Policial, da Rádio Jornal nesta segunda (03/08). De acordo com aquele veículo de comunicação, o ex-marido confessou que a matou no dia 18 de maio de 2015 (mesmo dia do desaparecimento). Ainda segundo a rádio, o homem teria levado Patrícia para um motel aqui na cidade e lá teria a agredido com um soco. José Cláudio saiu com o corpo da mulher, provavelmente ainda viva, dentro da mala de um veículo de passeio. Em um posto de combustível, ele teria colocado Patrícia dentro de seu caminhão e, no estado da Bahia, ao perceber que ela já estava morta, jogou o corpo da ex-mulher em um canavial.  "O mais provável é que Patrícia tenha sido enterrada como indigente no estado da Bahia. A Polícia Civil dará uma entrevista às 10 horas da manhã de hoje onde dará detalhes do caso", diz parte da reportagem da Rádio Jornal. Tão logo tenhamos mais informações advindas dessa entrevista, que ocorrerá às 10 horas no Recife, estaremos fazendo a transcrição neste canal.

José Cláudio Marques de Siqueira




2 comentários:

  1. O pior de tudo é que esse monte de lixo logo,logo voltará para o meio da sociedade, onde esta jovem nunca mais voltará, isso é o que nos revolta.

    ResponderExcluir

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger