Carregando...

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Garanhuns contratou 391 e demitiu 398 em julho, diz Caged

Garanhuns foi a 35ª cidade de PE no ranking do emprego formal em julho de 2014, de acordo com o Caged (Cadastro Geral de Empregos).  Foram contratadas 391 pessoas com carteira assinada no município, mas as demitidas ficaram em 398. Com isso, o saldo negativo foi de 07 postos de trabalho na Suíça Pernambucana. A campeã de empregos em julho no Estado foi a cidade de Petrolina, que admitiu 4.391 trabalhadores e dispensou 3048 ficando com um saldo positivo de 1.343 empregos no referido mês. No Agreste Meridional chama a atenção a cidade de Bom Conselho que em julho contratou 110 e demitiu apenas 20, ficando com 90 de saldo. O bom resultado deixou a Terra de Papa Caça em 5º no ranking mensal de Pernambuco, só ficando atrás de Petrolina, Olinda, Goiana e Cabo de Santo Agostinho.

CONFIRA RANKING QUE MOSTRA GARANHUNS 

Para melhor visualização do ranking cliqueAQUI


Promotor visita Dom Moura, flagra falta de cirurgião e de estrutura e resolve abrir inquérito

Hospital Dom Moura em Garanhuns
O titular da 1ª Promotoria de Defesa da Cidadania de Garanhuns, Alexandre Augusto Bezerra, expediu a portaria 001/2014, na qual determina a abertura de inquérito civil para investigar as causas da precariedade e falta de infraestrutura do hospital Dom Moura que vem apresentando, há muito tempo, pouca resolutividade no atendimento de saúde à população de Garanhuns e região, sobretudo, nos casos de urgência e emergência, o que o obriga a remover um grande número de seus pacientes para outras unidades, até mesmo na capital do Estado.

Na sua argumentação, o promotor afirma que visitou o Dom Moura no último dia 15 de agosto e verificou   que o hospital só possui duas ambulâncias, sendo uma UTI móvel, e havia no mesmo instante quatro pacientes esperando remoção e nem um cirurgião de plantão.

Para a instauração do inquérito, a portaria também considerou que o hospital Dom Moura cobre aproximadamente 60 (sessenta) municípios e chega a atender pacientes do Estado de Alagoas sem que tenha condições humanas e materiais de suportar a demanda, inclusive reprimida;

SUS E PSF
O inquérito civil aberto pela Promotoria de Defesa da Cidadania de Garanhuns vai investigar também as reclamações de cidadãos a respeito da falta de qualidade dos serviços prestados aos usuários do SUS no município e as notícias reiteradas da ausência de serviços na rede de exames complementares.Quanto aos PSF, de responsabilidade do município, o promotor quer saber porque o Município de Garanhuns possui apenas 34 (trinta e quatro) equipes do PSF – Programa da Saúde da Família, quando deveria ter 60 (sessenta) equipes para conseguir cobrir 100% (cem por cento) de sua população

O INQUÉRITO CIVIL

O inquérito civil de responsabilidade do MP é um procedimento administrativo de caráter  investigatório. Se as denúncias constantes da portaria forem comprovadas o promotor pode formular uma ação civil pública e enviar a Justiça para que os responsáveis pelo caos em que se encontra o hospital Dom Moura há muitos anos sejam punidos de acordo com a legislação em vigor. Caso não se confirme as denúncias, o procedimento pode ser arquivado




Detran-PE abre nova turma de pilotagem defensiva em Garanhuns

Diante da grande procura da população do Agreste Meridional pelo curso de pilotagem defensiva que o Detran-PE oferece em Garanhuns, o Órgão está abrindo mais uma turma para o mês de agosto. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas por meio do preenchimento de formulário eletrônico disponível no site da Escola Pública de Trânsito do Detran-PE (www.escoladetransito.pe.gov.br). As aulas ocorrerão nos próximos dias 30 e 31 de agosto. Em Garanhuns, as aulas ocorrem no Centro de Formação de Condutores Driver e no campus da Universidade Federal de Pernambuco (Núcleo Garanhuns).

O curso tem carga horária de 16h (dois dias, manhã e tarde). Para cada turma, estão disponíveis 35 vagas. Quem for se inscrever deve ser habilitado(a) na categoria ‘A’ e não possuir restrições no prontuário da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), como, por exemplo, estar com o documento vencido há mais de trinta dias, ou com a CNH cassada ou suspensa.

Geração de empregos com instalação de parques eólicos em Garanhuns e região é tema de palestra nesta quinta (21)

Workshop será nesta quinta-feira (21/08) em Garanhuns, centro da região que conta com seis projetos em implantação


Pernambuco vem avançando na produção de energia gerada pelos ventos e a região do Agreste Meridional conta com seis projetos de parques eólicos, alguns já em fase de instalação. Por isso, o Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (SDEC), em parceria com o Governo Municipal de Garanhuns, promove nesta quinta-feira (21/08), no município de Garanhuns, um workshop para divulgação de oportunidades geradas na região por tais empreendimentos.

O Secretário de Desenvolvimento Econômico de Garanhuns, Geandré Nogueira, afirmou que a partir desse Workshop os participantes poderão conhecer as oportunidades que surgirão. “Irão surgir várias vantagens, tanto para geração de empregos como para favorecer as empresas que irão se instalar no município, e a partir desse workshop os participantes poderão conhecê-las”, comentou.

O evento, gratuito, tem como público-alvo o empresariado da região, mas qualquer pessoa interessada pode participar. O workshop será realizado no auditório do Hotel Garanhuns Palace (Avenida Rui Barbosa, 626. Heliópolis – Garanhuns), das 19h às 21h.

De acordo com o secretário executivo de Gestão do Desenvolvimento da SDEC, Roberto Abreu e Lima, representantes de duas empresas desenvolvedoras de parques eólicos participarão do evento, a Casa dos Ventos e a Renova Energia. Durante o encontro, serão apresentados ao público a experiência de outros municípios que possuem parques já em operação.

“A instalação de um parque eólico afeta muito significativamente a geração de renda da região, que passa a contar com uma nova injeção de receita. Por esse motivo, é importante que os setores estejam preparados para aproveitar bem esta oportunidade”, explica o secretário executivo.

Roberto Abreu e Lima destaca, ainda, que já na fase de instalação os empreendimentos precisam de uma série de serviços, que vão desde a instalação de banheiros químicos até o fornecimento de refeição para os operários. “Esses são serviços que podem muito bem ser prestados por empresas do próprio município ou região”, comenta.

Além de contar com um polo de fabricação de equipamentos eólicos, com várias indústrias instaladas no Complexo Industrial Portuário de Suape, Pernambuco conta, ao todo, com 30 parques em fase de projeto ou construção e cinco já em fase de operação. Os empreendimentos estão distribuídos em 14 municípios, somando mais de R$ 3 bilhões em investimentos.

Segundo levantamento feito pela SDEC, os parques já em operação estão situados nos municípios de Gravatá, Macaparana e Pombos, no Agreste. Os demais estão sendo projetados ou em fase de construção em Araripina, Caetés, Capoeiras, Iati, Garanhuns, Paranatama, Pedra, Pesqueira, Poção, Saloá, Tacaratu e Venturosa.

Serviço:

O que? Workshop sobre oportunidades geradas pela instalação de parques eólicos
Quando? Quinta-feira, dia 21/08, das 19h às 21h
Onde? Auditório do Hotel Garanhuns Palace (Avenida Rui Barbosa, 626. Heliópolis – Garanhuns)
Acesso: Entrada gratuita. Não é necessária inscrição prévia.

Secom PMG

Senai Garanhuns avisa que ainda tem vaga para curso grátis de Gesseiro

SENAI GARANHUNS INFORMA: INSCRIÇÕES ABERTAS PARA TURMA DE GESSEIRO PELO PRONATEC - ÚLTIMAS VAGAS BENEFÍCIOS - CURSO GRATUITO COM DIREITO A BOLSA PARA TRANSPORTE E ALIMENTAÇÃO Inscrição: Secretaria de Desenvolvimento Econômico — Rua Treze de Maio S/N Sala 01 Centro (No prédio do antigo Fórum) - 8h às 13h. Período de Inscrição: 14 a 21/08/2014 Período do Curso: De 25/08/2014 à 07/11/2014 Pré-requisitos: 5ª série concluída e a partir de 16 anos Local e horário de aula: Escola Técnica SENAI Garanhuns — Manhã (7:30h às 11:30h) - PÚBLICO EM GERAL.

Imagem do avião em queda sugere falha humana como causa do acidente aéreo que matou Eduardo Campos



Imagens registradas por câmeras de um prédio em construção apontam para falha humana como fator que contribuiu para a queda do avião em Santos (SP) no dia 13 de agosto, segundo dois especialistas ouvidos pelo G1. O vídeo mostra o momento exato da queda que matou o candidato do PSB à Presidência, Eduardo Campos, e mais seis pessoas. Outro analista acredita em uma conjunção de fatores.

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), responsável pela apuração do acidente, diz que “desorientação espacial” dos pilotos e o uso de equipamentos nas asas que reduzem a velocidade após a arremetida estão entre as possibilidades investigadas.

As imagens obtidas com exclusividade pela TV Tribuna, afiliada da Rede Globo (veja acima), mostram o jato com o nariz para baixo. Depois disso, atrás de outro prédio, é possível ver a fumaça por causa do incêndio. As câmeras estão instaladas a cerca de 500 metros do local do acidente.

O presidente do Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA), Marcelo Cerriotti, acredita que o mau tempo na manhã do acidente tenha desorientado a tripulação do jato Citation 560 XL.

“A hipótese de 'desorientação espacial' se torna cada vez mais real. É uma imagem de uma aeronave fora de controle. No avião é tudo muito rápido e pelas condições meteorológicas, ele estaria só com a visualização dos equipamentos, sem a linha de horizonte, a cerca de 200 nós [370 km/h]", disse.

O presidente da Associação dos Pilotos e Proprietários de Aeronaves (APPA), George William Sucupira concorda que uma dificuldade de manobra da aeronave possa ter contribuído para a queda, mas não vê a desorientação espacial como um fator.

“Eu não acredito que pela experiência dos pilotos tenha sido uma desorientação espacial. Eles estavam enxergando pela camada de nuvens. A imagem demonstra que o avião caiu com o nariz para baixo, na vertical. Fez um buraco e depois quebrou para frente. As peças ficaram totalmente destruídas, o que indica que houve acúmulo de velocidade, aliado ao acionamento dos flaps [instrumentos na asa que reduzem a velocidade de aviões] e queda de nariz”. O mergulho abrupto durante o recolhimento de flaps é arriscado, segundo o fabricante do jato envolvido no acidente.


A "desorientação espacial" ocorre em condições com visibilidade ruim, em que o piloto é levado a crer que a aeronave está em uma direção pelos instrumentos, mas está em outra. Na possibilidade de isso ter acontecido, o comandante do jato em que estava Campos, dentro da nuvem, não percebeu que o avião estava indo para a esquerda, e forçou ainda mais a curva. A aeronave ficou, então, em posição de "faca" com as asas na vertical, provocando uma queda brusca.


O especialista em segurança de voo Ricardo Chilelli defende a conjunção de fatores para um acidente como o de Santos. “Se ele tivesse com condições meteorológicas boas e pudesse fazer o pouso no visual, possivelmente o avião teria aterrissado. Mas ele decide arremeter e faz o que prevê a carta de voo, mas não consegue retornar à posição para tentar um novo pouso. O mau tempo é o primeiro quesito que contribuiu”, afirmou.

“Quando está em baixa altitude, o poder de manobra e de reação diminui. Têm aeronaves que são mais fáceis, outras mais complicadas de manobras em situações adversas”, afirma Chilelli. Somente a investigação do Cenipa vai apontar o ângulo exato da queda e colisão com o solo.


O professor da escola politécnica da USP Julio Meneghini disse ao Jornal Nacional que a velocidade da queda foi de 170 nós aeronáuticos, ou seja, 314 km/h e que a imagem não é capaz de explicar é porque o avião aparece com o nariz apontado para baixo. Além da hipótese de erro humano e a influência do mau tempo, falha mecânica também é investigada como fator para a queda.


Sem instrumentos
O especialista Ricardo Chieli também aponta como outro fator de dificuldade a falta do sistema por instrumentos, conhecido pela sigla ILS (sigla Instrument Landing System, em inglês), que dá uma orientação precisa ao avião que esteja na fase de aproximação da pista. Sinais de rádio são transmitidos à aeronave, processados e apresentados nos instrumentos de bordo do avião, fornecendo dados para alinhamento com o eixo da pista e com a trajetória correta de planeio para o pouso. A base aérea de Santos não possui esses sistema e os equipamentos usados pelos pilotos são apenas os da própria aeronave.


O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos informou em nota que já realizou a leitura do gravador de voz da aeronave, análise inicial dos motores e coleta de informações e documentos junto às empresas que fizeram a manutenção do avião. Segundo a Força Aérea Brasileira (FAB), as duas horas de áudio da caixa-preta do jato não são do voo de Eduardo Campos e sim de um outro voo realizado dias antes.

A Aeronáutica informou na terça-feira ter constatado que o jato particular em que viajava o ex-governador de Pernambuco estava com o trem de pouso e os flaps recolhidos. O trem de pouso é composto por equipamentos e pneus para permitir a aterrisagem de aeronaves e os flaps são instrumentos na asa que reduzem a velocidade de aviões.

Reportagem publicada na terça no jornal "Folha de S.Paulo" revela que a Cessna, fabricante do jato Citation 560 XL, o mesmo modelo em que Campos viajava, alertou para o risco de a aeronave mergulhar abruptamente durante o recolhimento dos flaps em subidas e arremetidas.

Condições do voo
A visibilidade era de 3 mil metros, considerada dentro dos padrões na carta prevista para o pouso. Próximo à base aérea, as camadas de nuvens mais baixas estavam a 240 metros de altitude, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

A fadiga dos pilotos também é uma das hipóteses levantadas como fator para falha humana no acidente. O Sindicato Nacional dos Aeronautas quer que os peritos do Cenipa apurem se o cansaço relatado pelo piloto Marcos Martins em uma rede social na internet pode ter contribuído para o acidente.

G1


Paulo retoma campanha com muita emoção nas ruas do Recife

Foto - Aluísio Moreira
Mais de seis mil pessoas tomaram as ruas do Centro do Recife, nesta quarta-feira (20), para protagonizar a emocionante retomada da campanha que levará Paulo Câmara (PSB) ao Palácio do Campo das Princesas. A caminhada reuniu militantes, aliados, e, principalmente, populares, que faziam questão de mostrar que enxergam no socialista a continuidade com avanços do projeto iniciado pelo ex-governador Eduardo Campos. Acompanhado do seu companheiro de chapa Raul Henry (PMDB/vice), Paulo foi abraçado, beijado e "intimado" a dar prosseguimento às transformações que mudaram a vida dos pernambucanos nos últimos anos.
Levado pela esperança demonstrada nos olhos daqueles que o cumprimentavam, Paulo Câmara reforçou o seu compromisso de honrar o legado de Eduardo Campos, avançando nas conquistas. "Estou, como Eduardo estaria, muito feliz. Vamos fazer ainda mais porque Eduardo preparou o Estado para isso. Vamos avançar cada vez mais", afirmou o postulante, destacando o efeito da energia dispensada pelos pernambucanos nesse momento de superação. "Estou animado, motivado, confiante e empolgado com essa demonstração da militância da Frente Popular", exaltou Câmara, na Tribuna 40, sendo aplaudido pela multidão que se reuniu no local de encerramento da caminhada.
Durante todo o percurso de pouco mais de um quilômetro, populares entregavam mensagens de força e otimismo a Paulo Câmara. Diversas manifestações de gratidão e confiança no ex-governador Eduardo Campos deixaram o socialista emocionado.
A empregada doméstica Miriam Farias, de 44 anos, revelou que sempre votou na Frente Popular e que seguirá apostando nas transformações que estão sendo assumidas, por meio de compromissos, por Paulo Câmara. "Tudo o que Eduardo Campos prometeu foi realizado. Ele fez tudinho. Não mentia para a gente. Ele escolheu Paulo e vamos confiar de novo. Não se pode parar tudo isso que está dando certo", ressaltou.
Impossibilitada de ir à rua devido ao seu trabalho, Maria Valeria, caixa de uma lanchonete na Rua Duque de Caxias, chamou, aos gritos, Paulo Câmara para lhe dar um abraço e lhe confirmar o voto. "Estou com ele. Eduardo era humilde e ouvia as pessoas. Paulo parece ter a mesma 'cara'. Voto e pedirei voto para ele. Tenho certeza de ​​que ele vai ser um grande governador", indicou.
Foto Helder Tavares


UNIDADE- A caminhada que marcou a retomada da campanha de Paulo Câmara foi prestigiada por representantes de todas as alas da Frente Popular. Deputados, vereadores, prefeitos e militantes marcharam ao lado do candidato ao Governo do Estado. "Estamos, meus amigos, mais unidos e mais fortes do que nunca", cravou.

Assessoria

Coligação de Armando Monteiro se diz indignada com decisão judicial que proíbe uso de imagem de Eduardo Campos

Foi com indignação que os integrantes da Coligação Pernambuco Vai Mais Longe (PTB, PDT, PT, PSC, PRB e PTdoB) receberam a decisão monocrática, proferida por um Desembargador do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE), de vetar a utilização de quaisquer imagens ou áudios do ex-governador Eduardo Campos.

Esta decisão, de forma insólita, tornou inválidas outras duas já tomadas. Uma de forma monocrática e outra colegiada, e que rejeitavam qualquer tentativa de censura prévia, tendo em vista que não há qualquer intenção de distorcer fatos ou desabonar a honra e a trajetória do ex-governador Eduardo Campos.

É lamentável que a propaganda eleitoral em Pernambuco seja inaugurada sob o signo da censura prévia, da afronta à liberdade de expressão, ferindo princípios basilares do Estado de Direito.

A Coligação Pernambuco Vai Mais Longe tem a certeza de que o Tribunal Regional Eleitoral, dentro de sua tradição consolidada de assegurar os princípios norteadores do regime democrático, seguramente corrigirá esse equívoco, quando do julgamento do agravo regimental, permitindo que o povo pernambucano possa livremente se manifestar, sem sofrer qualquer tipo de censura em suas convicções.

Com as iniciativas que tomou nos últimos dias, a coligação adversária tenta assegurar a apropriação meramente partidária ou de facção política de uma figura pública, cuja trajetória pertence a toda a sociedade.

É preciso que a Frente Popular aprenda com as palavras da própria Marina Silva, agora candidata à Presidência da República, que, de forma lúcida, sublinha a diferença entre legado e herança.

Afirma Marina Silva:

“Nosso esforço, de todos os brasileiros, independente de partido, é de que seu esforço, sua trajetória, sua insistência em renovar a política não seja tratada como herança, onde cada um pega um fragmento do despojo, mas que seja tratado como um legado, em que quanto mais pessoas puderem se apropriar dele, melhor fica”.

Recife, 20/08/2014

Coligação Pernambuco Vai Mais Longe
(PTB, PDT, PT, PSC, PRB e PTdoB)

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Após morte de criança em São João, MPF quer que Detran fiscalize transporte escolar no Agreste

Acidente São João (Foto: Danilo César/ TV Asa Branca)
Tragédia em São João foi citada na recomendação do MPF
A morte do pequeno André da Silva Jr. , ocorrida no município de São João no dia 10 de junho, certamente foi um dos fatores que motivaram o MPF em Arcoverde e Garanhuns a expedir uma recomendação para que o Detran/PE fiscalize o transporte de estudantes das redes estadual e municipal de ensino matriculados em escolas situadas nos municípios do Agreste pernambucano, entre eles Garanhuns e as cidades em seu entorno. A criança caiu de um ônibus que transportava alunos quando a porta do veículo escolar em que ele vinha se abriu RELEMBRE
No documento enviado pelo MPF ao Detran, a morte de André é citada, não como uma fatalidade, mas como fruto de irregularidades no transporte escolar onde o serviço  tem sido feito de forma precária, com veículos inapropriados e motoristas sem a devida capacitação.
Ainda de acordo com a recomendação, o Detran terá de averiguar se o serviço tem sido prestado de acordo com as prescrições do Código de Trânsito. Caso seja verificada irregularidade, deverá ser aplicada a respectiva sanção. Se houver possibilidade de adequação do veículo, o responsável deverá ser notificado para providenciar a regularização.
Todas as medidas adotadas pelo Detran deverão ser informadas aos procuradores da República responsáveis, com envio de documentação ao MPF. O órgão estadual terá de informar também, em até 30 dias a contar da notificação, se vai acatar a recomendação. Deverá ser encaminhado ao MPF, no mesmo prazo, cronograma das fiscalizações a serem feitas nesses municípios nos próximos 12 meses. Em caso de descumprimento da recomendação, poderão ser adotadas as medidas administrativas e judiciais cabíveis.

Municípios que devem ser alvo da fiscalização pelo Detran/PE: Águas Belas, Angelim, Bom Conselho, Brejão, Caetés, Calçado, Canhotinho, Capoeiras, Correntes, Garanhuns, Iati, Ibirajuba, Jucati, Jupi, Lagoa do Ouro, Lajedo, Palmeirina, Paranatama, Quipapá, Saloá, São Bento do Una, São João, Terezinha, Alagoinha, Arcoverde, Buíque, Ibimirim, Iguaraci, Inajá, Ingazeira, Itaíba, Manari, Pedra, Pesqueira, Poção, Sertânia, Tacaratu, Tupanatinga, Tuparetama e Venturosa.

Perigosíssima dupla acusada de assaltos em Garanhuns e região é presa pela PM


Um acidente de trânsito, na BR-423, próximo a cidade de Paranatama, ocorrido por volta das 19h29 min desta terça (19), ajudou a PM a tirar de circulação dois perigosos marginais que vinham praticando vários assaltos em Garanhuns e região. A colisão se deu entre uma Van de passageiros e um Astra azul 2009 onde estavam os suspeitos. Após o acidente, os ocupantes do veículo se embrenharam no mato, mas foram capturados.

Primeiro a PM deteve Felipe da Silva Barbosa, 20 anos, residente no bairro do Mundaú em Garanhuns que, ao ser preso, confessou a prática de vários assaltos na região. Durante a madrugada, seu comparsa Dayvison Jonas da Silva Chalegre, 22 anos, também foi detido. Ferido pelo acidente, ele foi pedir socorro no hospital da cidade de Paranatama, mas a polícia, que não é boba, já previa a ação e prendeu o marginal.

De acordo com a PM, o carro em que a dupla estava, um Astra de placas NLV-0398/AL,  havia sido roubado no estado de Alagoas e foi usado durante uma ação criminosa na cidade vizinha de Caetés onde, dias atrás, foram explodidos caixas eletrônicos do Banco do Brasil. Dentro do veículo ainda foram encontrados toucas ninja e uma espingarda calibre 36 com munições. 

FOTOS DOS SUSPEITOS ABAIXO fotos - Agreste Violento - Fonte PM - com acréscimo de informações do portal Agreste Violento

Felipe da Silva Barbosa - fora de circulação


Do V&C: dia 15 último, um marchante de Garanhuns foi assassinado quando se dirigia para a feira de Capoeiras. O carro que o abordou também era um Astra, só que as placas não foram anotadas. A Polícia Civil deve investigar se essas duas almas sebosas têm alguma ligação com este crime covarde. 





Judô interiorano estará em evidência em dezembro aqui em Garanhuns


Assinado na tarde da ultima Segunda-feira (18) o contrato para realização da I COPA ACIAGAM DE JUDÔ que será realizada no dia 06 de Dez 2014 na cidade de Garanhuns PE.  Estiveram na sede da Federação de Judô em Garanhuns, para assinatura do referido documento, os senhores; JEFERSON P.ANDRADE JUNIOR, presidente da ASSOCIAÇÃO DO COMERCIO DA INDÚSTRIA E AGROINDÚSTRIA DE GARANHUNS E AGRESTE MERIDIONAL - ACIAGAM e o Prof.CARLOS ESPINHARA que, juntamente com o presidente da FPJU Prof. JACIANO DELMIRO, realizaram os necessário ajustes para realização desse grande evento que incluirá definitivamente a cidade de Garanhuns no circuito interiorano de judô da FPJU.

Containers instalados nas ruas de Garanhuns arrancam críticas e elogios da população

Containers instalados em Garanhuns

Desde o Festival de Inverno de Garanhuns que as principais ruas da cidade contam com containers de coleta de lixo. O objetivo, segundo a prefeitura, é otimizar o processo de limpeza urbana, assim como a coleta de lixo no município. Segundo nota da Secretaria de Serviços Públicos e Obras, 150 containers já foram colocados nas principais ruas e esta semana chegam mais 200 para serem incorporados aos já existentes. Ainda segundo a nota, outros 600 equipamentos de coleta deverão ser instalados em Garanhuns nos próximos meses perfazendo um total de mil verdinhos.

A iniciativa vem sendo elogiada pelos garanhuenses.  “Às vezes não tinha onde colocar o lixo e com esse equipamento fica mais fácil de manter as calçadas limpas. Estão de parabéns por terem essa ideia”, comentou  a aposentada Maria de Lourdes Diniz, de 68 anos de idade,  que ainda afirmou que agora as ruas estão sempre limpas e as pessoas passaram a colaborar mais.

Como nem Jesus Cristo agradou a todo mundo, tem gente reclamando também, como mostra o depoimento abaixo enviado ao blog pelo leitor Jackson Carvalho.  

 "Nossa prefeitura por meio da Secretaria de Meio Ambiente espalhou um monte de lixeiras (containers) nas ruas e avenidas da cidade sendo que, como sempre, nas ruas e avenidas principais, esquecendo do resto da população pois na esquina da rua Diário de Pernambuco não tem lixeira e o carro coletor não passa já há dias.  Nas avenidas que colocaram deram preferência aos grandes comerciantes como por exemplo na Avenida Duque de Caxias. Próximo ao semáforo tem três comércios, mas colocaram a lixeira há mais de 600 metros em frente a  uma padaria, por que? Não sabemos, Será que só lá tem lixo ? Os sacos são pesados para se levar até o local do container", reclamou Jackson.

Como este espaço é democrático e a gente sempre publica as coisas boas que a prefeitura tem feito, justo também colocar as insatisfações do munícipe. Ao Jackson, dizemos que parte da sua pergunta foi respondida na própria nota da prefeitura, já que a Secretaria de Serviços Públicos e Obras se comprometeu a instalar mais 850 containers nos próximos meses devendo contemplar, sem dúvidas, a Avenida Diário de Pernambuco. 

 Quanto a iniciativa da prefeitura, é louvável e digna de reconhecimento. Garanhuns, que já é uma das pioneiras na destinação de resíduos sólidos, tendo feito seu aterro sanitário desde 2004, o que valorizou a coleta seletiva, agora dá este importante passo rumo a uma cidade mais limpa. Menos lixo nas ruas significa menos bueiros entupidos, menos insetos nas casas e mais higiene para todos.  

Acidente entre moto e caminhão deixa duas vítimas fatais em Capoeiras


Um violento acidente envolvendo moto e caminhão deixou um triste saldo de dois homens mortos no final da noite desta terça-feira (19) nas imediações do sítio Capoeira do Pinto, na PE-193 em Capoeiras, cidade próxima a Garanhuns.  Antônio Carlos de Almeida, de 40 anos, e Sebastião Eugênio de Andrade de 52 anos trafegavam pelo referido trecho em uma motocicleta quando se chocaram de frente com um caminhão Mercedes Benz de cor vermelha. Com o impacto as vítimas foram arremessadas para o meio da rodovia, sendo socorridas pelo SAMU, entretanto, não resistiram aos graves ferimentos e faleceram ao dar entrada no hospital de Capoeiras. Já o condutor do caminhão sofreu apenas escoriações leves. As causas que provocaram o acidente não foram divulgadas.


Fotos: divulgação/Agreste Violento

Homem é morto a tiros e depois tem corpo queimado em Brejão

Um homicídio ocorrido na noite desta terça-feira, 19 de agosto, chocou os moradores do sítio Capim, zona rural de Brejão. João Ferreira Araçá, de 61 anos foi morto, possivelmente, com três tiros efetuados por desconhecido(s) dentro de sua própria residência. A violência praticada contra a vítima foi ainda maior. Testemunhas, que ouviram os disparos se dirigiram até a casa de João Ferreira e encontraram seu corpo totalmente carbonizado no piso da sala de estar. A PM e a Polícia Civil estiveram no local trabalhando na liberação do corpo e em buscas a possíveis autores dessa monstruosidade, mas ninguém foi preso.

Em 1ª propaganda no rádio e TV, Paulo Câmara assume compromisso de avançar nas transformações iniciadas por Eduardo


Comprometido com a defesa das conquistas obtidas nas duas gestões do ex-governador Eduardo Campos, o candidato da Frente Popular ao Governo do Estado, Paulo Câmara (PSB), assumiu a responsabilidade de avançar no processo de transformação vivenciado por Pernambuco nos últimos anos. O socialista utilizou as suas duas primeiras inserções de rádio e televisão, nesta terça-feira (19), para homenagear o eterno líder, que faleceu na semana passada, destacando seus ensinamentos e a sua capacidade de materializar o sonho de melhorar a vida dos pernambucanos.

“Aprendi com Eduardo que justiça e igualdade são mais que simples palavras. São valores pelos quais ele tanto lutou para transformar a vida do nosso povo. Tive a honra de trabalhar com Eduardo desde o início do seu governo. Tenho agora a responsabilidade de defender o que conquistamos para Pernambuco. Eduardo nos ensinou a lutar pelos nossos sonhos. Essa é uma lição que jamais vamos esquecer”, frisou Paulo Câmara.  

Em um dos filmetes, a importância e a grandeza da liderança exercida por Eduardo Campos são ressaltadas como difíceis de aferir. A determinação em viver um País melhor e mais justo, tão observadas em Eduardo, foram destacadas na peça como fruto do aprendizado deixado pelo seu avô, Miguel Arraes, que encarou “o trabalho pelo povo e para o povo” como um princípio básico para quem administrada o público.

Esse caminho desenhado por Arraes guiou Eduardo Campos durante toda a sua trajetória. E é uma inspiração para Paulo Câmara liderar uma nova etapa de mudanças e realizações em nosso Estado. “O novo Pernambuco é resultado dos sonhos e da determinação de um grande líder. São esses mesmos sonhos e essa mesma determinação que vão continuar nos guiando sempre”, assegurou o postulante da Frente Popular.    

Nesta quarta-feira (20), irá ao ar o primeiro programa eleitoral de Paulo Câmara em sua jornada rumo ao Palácio do Campo das Princesas. O socialista possui a maior fatia do tempo total dos 25 minutos estabelecidos pela Legislação Eleitoral para os candidatos ao Governo do Estado, com 10 minutos e 37 segundos.

Assessoria de Imprensa

Imagens do avião de Eduardo Campos em queda livre são mostradas pela primeira vez

Imagens foram feitas por uma câmera de segurança
Na primeira foto, o avião em queda.
Em seguida, uma grande nuvem de fumaça de forma

Imagens feitas por câmeras de monitoramento de um prédio em construção em Santos, no litoral de São Paulo, descobertas nesta terça-feira (19), mostram pela primeira vez o momento exato da queda do avião que matou o candidato à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB), e mais seis pessoas no dia 13 de agosto.
A demora na descoberta do vídeo se deve ao fato de o horário do sistema de monitoramento estar errado. Outras imagens divulgadas anteriormente mostravam apenas o clarão, a fumaça e o fogo causados pela explosão, após o impacto da aeronave no solo. Essa é a primeira que mostra o avião caindo e deve ajudar nas investigações para descobrir as causas do desastre aéreo.

Fonte G1

veja vídeo

terça-feira, 19 de agosto de 2014

Nem Renata nem Antônio: Vice de Marina é Beto Albuquerque

A esposa de Eduardo Campos, Renata Campos, foi sondada, mas não aceitou fazer parte da chapa com Marina. No início do processo de escolha o irmão de Campos, Antônio, também foi lembrado. 

Deputado federal Beto Albuquerque
Deu no site da Veja. O comando do PSB decidiu indicar o deputado gaúcho Beto Albuquerque, de 52 anos, para a vice na chapa que será encabeçada pela ex-senadora Marina Silva à Presidência da República. A decisão deverá ser oficializada na reunião da Executiva Nacional da sigla, agendada para esta quarta-feira, em Brasília. No encontro, o PSB também formalizará a indicação de Marina como substituta de Eduardo Campos, morto em acidente aéreo na semana passada.

Do V&C: Eduardo era a imagem  e a representação do Nordeste na  disputa presidencial. Com sua morte e a assunção de Marina seria legítimo que ao menos o vice saísse da região. Não que estejamos falando de Renata, mas será que os quadros do PSB pernambucano não tinha um nome a altura?  Com a escolha, nenhum nordestino consta nas três principais chapas formadas para presidente. Vejamos: DILMA/TEMER, AÉCIO/ALUÍSIO E MARINA/BETO. A decisão foi tomada com a aquiescência da viúva Renata Campos. 

Justiça Federal condena ex-prefeito de Itaíba a 13 anos de prisão por desvio de 1,5 milhões de reais

O Ministério Público Federal (MPF) em Garanhuns obteve, na Justiça Federal, a condenação do ex-prefeito de Itaíba (no agreste pernambucano) e ex-deputado estadual, Claudiano Ferreira Martins, por crimes de responsabilidade e associação criminosa. Segundo consta na sentença judicial, foi caracterizado o desvio de recursos públicos da ordem de R$ 1.583.435,30, verba relativa a convênios celebrados entre a União e o município.
Conforme consta no processo, as irregularidades ocorreram nos períodos de 1997 a 2000 e de 2001 a 2004, e envolveram recursos repassados pelos Ministérios da Saúde, Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Educação, Desenvolvimento Agrário e Integração Nacional. Os recursos deveriam ter sido destinados a obras de saneamento básico, construção de estradas, recuperação e construção de córregos, bem como aos programas Educação de Jovens e Adultos (EJA) e de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti).
Esquema fraudulento - De acordo com a decisão judicial, as fraudes aconteciam da seguinte forma: inicialmente, o ex-prefeito firmava convênios e contratos com a União. Após a celebração, no intuito de desviar os valores disponibilizados, fraudava-se o procedimento licitatório. As empresas participantes do certame eram inexistentes ou tinham ligações entre si.
O serviço licitado era pago sem sua efetiva prestação ou o pagamento era antecipado, sem a conclusão da etapa prevista ou entrega do material. As empresas contratadas apresentavam notas fiscais falsas para a prefeitura fazer a prestação de contas. O dinheiro repassado pela União era sacado diretamente pelo ex-prefeito ou por terceiros sem relação com as empresas que deveriam receber os valores.
Além disso, o ex-gestor também não comprovou o funcionamento dos programas sociais e educacionais e o recebimento de mercadorias e produtos adquiridos pela prefeitura.
Penas - A Justiça Federal condenou, em decisão ainda sujeita a recurso, Claudiano Martins a 13 anos e dois meses de prisão e a não mais poder exercer cargo ou função pública pelo prazo de cinco anos.

1ª propaganda do PSB no horário eleitoral emociona ao homenagear Eduardo Campos

Deixando de lado as querelas, os embates e as pelejas políticas e com a memória ainda permeada por lembranças de um trágico acidente que comoveu o país, não só por ter ceifado tão precocemente a vida do político Eduardo Campos, mas pelas nuances que envolveram esse triste fato, é difícil acreditar que algum brasileiro que tenha visto 1º programa eleitoral gratuito do PSB não tenha se emocionado. 

Anunciação, de Alceu Valença, foi inteligentemente escolhida para sonorizar os dois segundos de aparição de Eduardo Campos  cuja  morte pode ter provocado uma das maiores reviravoltas políticas da história recente do Brasil.

ASSISTA O VÍDEO



Achado relógio de uma das vítimas que marca horário da queda do avião de Campos

Relógio foi encontrado em meio aos escombros do acidente (Foto: Claudio Vitor Vaz / Jornal A Tribuna)
Parte do relógio de uma das vítimas da queda da aeronave que
 matou o candidato à Presidência da República, Eduardo Campos
Parte do relógio de uma das vítimas da queda da aeronave que matou o candidato à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB), e mais seis pessoas em Santos, no litoral de São Paulo, foi encontrada na tarde desta segunda-feira (18), no local do acidente. O item será encaminhado para investigação, juntamente com outros objetos do avião e pertences de passageiros e tripulação.
O relógio foi recuperado pela equipe da Defesa Civil da Prefeitura de Santos, durante os trabalhos de retirada de entulho no local do desastre aéreo. Mesmo desprotegido, sem vidro e com bastante areia, é possível notar que os ponteiros parados marcam 9h50, hora em que supostamente o avião teria caído.
Além das medalhinhas encontradas no sábado (16), o filho de Eduardo Campos, João Henrique, pediu para a equipe que trabalha no local do acidente localizasse também um relógio. Porém, ainda não foi confirmado quem estaria usando o objeto encontrado nesta segunda-feira.
G1

Povo reclama e Compesa explica falta d'água em alguns setores de Garanhuns


A população de Garanhuns vem reclamando de constantes interrupções no abastecimento d´água em alguns setores do município. No centro, os comerciantes relatam transtornos pela falta do precioso líquido que teima em não chegar às torneiras de seus estabelecimentos. Nos bairros, o problema é o mesmo e tem sido recorrente. O V&C publicou recentemente que tanto a Inhumas como a Cajueiro, barragens que abastecem a cidade, estão com cerca de 90% de sua capacidade de acumulação, ou seja, quase cheias, então o que acontece?

"Faz 5 dias que não chega água no centro da cidade. Tanto a população como os comerciantes estão sofrendo.  A conta do mês vai chegar, vão dar algum desconto na taxa pela falta do fornecimento?", reclamou uma comerciante do centro.


Segundo a Compesa, o motivo da falta d'água é um vazamento que não é visível externamente, daí, segundo a  explicação, técnicos têm que percorrer toda a extensão da rede até encontrar o ponto exato para, só então, realizar o conserto que vai permitir o retorno do abastecimento. Não deram prazo para que isto ocorra.


É a palavra da Companhia. Explica, mas não justifica. Uma empresa com a importância e responsabilidade que tem a COMPESA não pode ser surpreendida por problemas como este. É preciso maior logística, infraestrutura, investimentos em peças sobressalentes e treinamento de seus profissionais para que estes imprevistos não causem tantos transtornos a população. No passado foram as bombas que quebraram, hoje são os vazamentos. O que será amanhã? A conta, como bem falou a comerciante, chega sem atrasos ou abatimento. Já  a água... 

Peça na asa pode ter derrubado avião de Eduardo Campos;SAIBA QUAL

Perito recolhe partes da aeronave que caiu em Santos

As primeiras análises dos restos das peças do Cessna Citation que caiu na quarta-feira, 13, matando o ex-governador de Pernambuco e candidato à Presidência pelo PSB Eduardo Campos e mais seis pessoas apontaram que os flaps do avião estavam recolhidos. O dado sobre o flap é considerado fundamental para a avaliação das causas do acidente. Quando um piloto vai aterrissar, é preciso "baixar os flaps", que são como extensões das asas e ajudam na sustentação e frenagem do avião no solo.

Mas no manual de instrução do jato há uma restrição segundo a qual os flaps não podem ser recolhidos se o avião estiver em velocidade acima de 200 nós, ou seja, acima de 370 km/h.

Assim, se o piloto acelera com os flaps abertos, baixados, depois de uma eventual arremetida com a potência do motor no máximo e acima desse patamar, a recomendação é para que se reduza a velocidade, baixando a altitude, recolha os flaps e aí retome o voo normalmente. A constatação dos peritos não é ainda conclusiva e terá de ser mais detalhada na análise das peças pelos técnicos do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).

Eduardo concede sua penúltima entrevista em vida, a última seria a Globo News

Baque

Segundo a instrução do Cessna, se os flaps forem recolhidos com o avião a mais de 370 km/h, ocorre um "put down" (baque) violento, movimento que puxa o avião para baixo, tirando a estabilidade da aeronave a ponto de desorientar o piloto.

Portanto, para os investigadores, se os flaps estão recolhidos é porque há duas opções imediatas: o procedimento pode ter sido realizado no tempo certo, com velocidade certa, ou o flap foi recolhido após a arremetida, em alta velocidade.

Como o Cessna se acidentou e explodiu ao se chocar com o solo, a análise dos peritos se volta agora para a possibilidade de um eventual "put down", tendo sido motivado por suposto recolhimento do flap acima de 370 km/h, contribuindo, desta forma, para o acidente.

O problema é que, em momentos de decisão e tensão, as operações não são todas feitas seguindo as recomendações. E para dificultar as investigações, na definição das diferentes velocidades adotadas pelo avião quando se aproximava da Base Aérea, o Cessna não tinha, como equipamento de série, um gravador de dados, com informações sobre altitude do avião no momento de suas operações cruciais, como pouso e decolagem e comandos efetuados pelo piloto. Também não foram gravadas as conversas mantidas pelos piloto e copiloto na cabine.

Os investigadores ainda consideram um problema o fato de não existir torre de controle em Santos, que centraliza e armazena vários dados do voo, mas apenas uma estação de rádio controlada por um operador.
Imagem mostra onde se localizam os flaps

Segundo o operador da Base Aérea de Santos, que já foi ouvido informalmente pela comissão de investigação, o piloto da aeronave estava absolutamente tranquilo quando lhe informou que estava arremetendo, assim como quando respondeu que ia esperar o tempo melhorar para tentar nova aterrissagem. Mas há especulações de que ele pudesse estar em uma altitude baixa, que não deu sustentação ao avião, na hora de arremeter. Tudo isso, agravado pelo mau tempo na região.

Segundo informações da Força Aérea, se o avião possuísse um gravador de dados do voo seria possível apontar exatamente a velocidade e altura do avião na hora da arremetida. Mas os militares envolvidos ressaltam que há técnicas na investigação do acidente que permitem que se chegue a uma precisão considerável de importantes dados no momento do impacto, mas não da arremetida.

Segundo os técnicos, até agora, o único choque registrado do avião foi contra o solo, deixando uma cratera de quatro metros

Do Diário de Pernambuco

Começa a construção da UPA 24 horas na Cohab II em Garanhuns

UPA começa a ser construída na Cohab II 

Foi iniciada, em Garanhuns, no Agreste Meridional de Pernambuco, a construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), que funcionará 24h por dia. A unidade está sendo construída no bairro Francisco Figueira - Cohab II. A UPA terá um serviço de emergência de 24h durante os sete dias da semana, que se diferencia da Unidade de Pernambucana de Atendimento Especializada (UPAE), que já funciona em Garanhuns. Ela vai funcionar intermediando as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e os hospitais.

O secretário de Saúde do município, Arlindo Ramalho, comenta sobre a importância da obra para Garanhuns. “A UPA em Garanhuns será um ótimo suporte para o município, vai ajudar a desafogar o Hospital Regional Dom Moura, dando suporte aos 135.000 habitantes garanhuenses. Para a manutenção da unidade, 50% será de responsabilidade da prefeitura, a outra metade é pactuada com o Governo Federal”, detalha.

As UPA’s fazem parte da Política Nacional de Urgência, lançada pelo Ministério da Saúde, no ano de 2003. Elas têm por finalidade resolver grande parte das urgências e emergências, ajudando na diminuição das filas nos prontos-socorros dos hospitais. Em localidades que possuem UPA, 97% dos casos são solucionados na própria unidade. A unidade em Garanhuns irá ampliar e melhorar o acesso da população aos serviços de urgência no Sistema Único de Saúde (SUS).

“A UPA 24h foi uma conquista nossa junto ao Governo Federal que agora começa a se concretizar. Essa unidade vai ajudar a melhorar o atendimento de saúde à nossa gente, oferecendo serviços durante toda a semana,” comentou o prefeito Izaías Régis.

UPA 24 horas começa a tomar forma em Garanhuns


Secom PMG

Falso médico é preso quando atendia na Boa Vista em Garanhuns



Um falso médico foi preso pela PF de Caruaru nesta terça-feira (19) quando atendia em uma unidade de saúde no bairro da Boa Vista em Garanhuns. Ele foi identificado como Geraldo José da Silva, 32 anos de idade. No referido bairro, o homem atuava como clínico geral,  prescrevia medicamentos e usava o CRM de um médico, este de verdade. 

Segundo o delegado  Helianthus Soares, Geraldo estava trabalhando lá há três semanas e não tinha diploma de formação em medicina. Depois de preso, o suspeito foi encaminhado para a cadeia pública de Garanhuns e deve responder pelos crimes de falsidade ideológica e exercício ilegal da medicina. Existe também uma denúncia de que o falso médico tenha atuado em outros municípios do Agreste Meridional de PE.

Em nota, a Secretaria de Saúde de Garanhuns disse que o falso médico esteve no município durante um período de 10 dias, dos quais, apenas cinco dias teve contato direto com a população. Ainda segundo a nota, no processo de análise de documentação para posterior contratação [que não foi efetivada], foram verificadas várias divergências na documentação e no registro profissional de Geraldo. Após essa minuciosa análise, o Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) e a Polícia Civil foram acionados.
Suspeito foi preso pela PF em Garanhuns



Família de gestante denuncia morte de bebê por suposta negligência do Hospital Dom Moura

Daniele Silvestre da Silva teria perdido o bebê antes de chegar a Caruaru (Foto: Reprodução/ TV Asa Branca)
Gestante de Jucati diz que veio para o Dom Moura, mas não teria sido atendida
O portal de notícias da Globo, em sua versão regional de Caruaru, publicou neste dia 18 dois casos onde gestantes perderam seus bebês por suposta negligência médica. Um caso se deu em Caruaru. Já o outro, aconteceu em Jucati. De acordo com o portal,  a gestante Daniele Silvestre foi levada ao Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns, mas não teria sido atendida. Depois, foi transferida para a Fusam [Caruaru], porém, o bebê havia morrido antes do procedimento cirúrgico, conforme denuncia a família.

 “O médico daqui ( de Caruaru) viu ela tão ruim que colocou no lugar de outras pacientes, para ver se salvava a menina. (…) Era para ela ter tido [a criança] de nove horas [da manhã], mas chegou duas horas da tarde aqui”, detalhou Rosa Silvestre, mãe da paciente. “Não conseguiram salvar a minha filha por negligência médica”, acrescentou Daniele Silvestre.

 Os dois casos também foram relatados por uma equipe de reportagem da TV Asa Branca nesta segunda-feira (18).  A assessoria de imprensa do Hospital Regional Dom Moura informou que a paciente de Jucati foi atendida na unidade, mas - até a exibição da reportagem - a administração aguardava a documentação dela para falar sobre o assunto.

O OUTRO CASO EM CARUARU
 O outro caso aconteceu em Caruaru, quando Jailda Antônia Maria, de 29 anos, grávida de nove meses, foi levada à Casa de Saúde Bom Jesus na sexta-feira (15), mas o parto não foi feito. “Examinaram ela, viram que estava tudo bem com o bebê, agora disseram assim: 'Ela só está com um centímetro, não é pra agora não. Vocês vão ter que voltar'”, afirmou a irmã da paciente, Eliane Antônia da Silva.

As dores permaneceram e a grávida voltou à maternidade no domingo (17), quando ficou constatado que o bebê não tinha batimentos cardíacos. Ela foi encaminhada para o Hospital Maternidade Jesus Nazareno, conhecido como Fusam, e a criança foi retirada. “Não tinha condição de ser parto normal. Tinha que ser cesárea”, reclamou Eliane. A mãe sobreviveu.

A informação é do G1 Caruaru
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger