quarta-feira, 12 de agosto de 2020

HISTÓRIA: Reconstruir ou apagar?

Manifestantes derrubam estátua de Cristóvão Colombo em Baltimore, EUA  - FOTO- Spencer Coptom Reurters

Por Ricardo Viveiros*

Manifestantes demoliram uma estátua de Cristóvão Colombo, em Baltimore (EUA). Considerado o descobridor do continente americano, Colombo foi ao chão em novo episódio da onda de justiça a monumentos de figuras ligadas à escravidão e ao colonialismo.

A História é registrada a partir dos vitoriosos, não dos derrotados. Injustiça. Muitas vezes, os derrotados com o passar do tempo se tornam vencedores. Derrubar estátuas já aconteceu em países do Leste da Europa, depois da queda do Comunismo. Mais recentemente, fundamentalistas islâmicos promoveram a destruição de monumentos e patrimônios arquitetônicos da humanidade.

Platão teve escravos. Aristóteles acreditava que a escravidão era algo natural e necessário. Naquele tempo acontecia assim na Grécia, berço da civilização Ocidental. O escritor brasileiro Monteiro Lobato, com razão acusado de racista — cuja defesa da eugenia está clara em seu livro "O choque das raças", pode ser relevado se tomada por base a época em que escreveu o "Sítio do Picapau Amarelo". Naquele tempo cabia uma "Tia Anastácia", cozinheira negra, personagem folclórica. Queime-se a obra de Monteiro Lobato ou, então, que sirva para ensinar às crianças como era a vida antes delas, os porquês dos erros cometidos.

Por diferentes razões, uns tentam reconstruir a História e outros tentam apagá-la. Não se muda o passado. Mas, com os ensinamentos dele, o presente e o futuro podem ser melhores. O que aconteceu deve ser lembrado para evitar novos erros. Sejam quais forem as razões ideológicas, não devemos ser complacentes com nenhuma forma de racismo, preconceito, discriminação, violência. Por outro lado, vale a reflexão: História é História, feia ou bonita.

Cristóvão Colombo tem estátuas nos EUA como descobridor da América, e não por ter sido usuário de escravos. A escravidão é absurdo que não se justifica, porque Canadá, Austrália e Nova Zelândia também foram colonizados por ingleses sem o emprego de escravos. Na Nova Zelândia, por exemplo, os colonizadores britânicos se entenderam com os nativos Maoris na construção do país. Civilizado? Pois é. Em que esses mesmos colonizadores trabalhavam? Caçavam baleias e focas, o que à época não era visto como crime ambiental. Nem por isso, as estátuas deles estão sendo derrubadas pelos defensores dos animais. Seguem de pé pelos feitos históricos, não pelo desrespeito ao meio ambiente.

Pedro Álvares Cabral invadiu o Brasil em 1500, causando a morte de milhões de índios. Há estátuas, avenidas, escolas com o nome dele por ter sido o descobridor do Brasil. Cabral foi o responsável por um sistema predatório e extrativista, corrupto, que gerou as raízes do que sofremos hoje. Empregando mão de obra escrava, uma indignidade, Cabral também foi conivente com essa prática da época. Em nossas ruas e praças pelas cidades do País, além de estátuas de Cabral, há da redentora Princesa Isabel, do revolucionário Zumbi dos Palmares e de valentes índios, além de outras personagens históricas. Quem deve ficar, quem deve cair?

O português Pedro Fernandes Sardinha diplomou-se em Teologia pela Universidade de Paris (FRA), lecionou nas Universidades de Coimbra (POR) e Salamanca (ESP). Designado primeiro bispo do Brasil, chegou a Salvador (BA) em 1551. Cinco anos depois foi chamado à corte. O navio afunda junto à foz do rio Coruripe, a poucas léguas do rio São Francisco. Os passageiros são capturados pelos índios Caetés que, no arroio de São Miguel das Almas, os matam e comem. Atualmente, a estátua de Dom Sardinha está na Praça da Sé, próxima ao Pelourinho, em Salvador. Muito pouca gente sabe quem foi o homenageado, se importante ou não. Mas, todos sabem que os índios o devoraram.

Caso formos levar em conta essa nova onda de justiça, embora fundamentada no soberano respeito ao próximo, teremos que apagar boa parte da História Universal. Derrubar não apenas estátuas e monumentos, como esvaziar acervos de museus e mudar os nomes de avenidas e praças aqui e em todo o Mundo. Ou deixar a História registrar os fatos de cada época, para com liberdade e sabedoria promover mudanças. O que importa é contar a verdade, não permitir que se perca ao longo do tempo para que os erros do passado não voltem a acontecer.

*Ricardo Viveiros, jornalista e escritor, doutor em Educação, Arte e História da Cultura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, é membro do Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo (IHGSP) e Membro Honorário da Academia Paulista de Educação (APE). Autor, entre outros, dos livros: "A vila que descobriu o Brasil" (Geração), "Justiça seja feita" (Sesi), "Educação S/A" (Pearson).

Bebê morre afogado após cair em cisterna em Caruaru

Uma criança de um ano e oito meses morreu afogada em uma cisterna no bairro do Salgado, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, na terça-feira (11/08). Segundo a Polícia Civil, o menino estava com a mãe e a avó quando passou por baixo da porta até a área do reservatório, sem ninguém perceber. O bebê chegou a ser socorrido para uma unidade de saúde, mas não resistiu. A Polícia Civil está investigando o caso

Do G1

Funcionário público é morto a tiros em frente à casa onde morava, em Águas Belas

Vitima
Foto- Agreste Violento
 Do G1

Um homem de 32 anos foi morto a tiros na noite desta terça-feira (11/08) no Centro de Águas Belas, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, a vítima trabalhava como coordenador de Saúde na Prefeitura de Águas Belas e estava em frente à casa onde morava conversando com a esposa e um casal de amigos. Dois homens desconhecidos se aproximaram do grupo e atiraram diversas vezes na vítima, que não resistiu e morreu no local. A esposa do homem e o casal de amigos não ficaram feridos. A Delegacia de Águas Belas está investigando o caso.

VÍTIMA: DANIEL ALVES DOS SANTOS.

terça-feira, 11 de agosto de 2020

Escola indígena é alvo de ataque e tem livros queimados em Águas Belas

Escola indígena é alvo de ataque e tem livros queimados em Águas Belas (PE)

A escola estadual indígena Marechal Rondon, localizada na aldeia Fulni-Ô, em Águas Belas (PE) foi alvo de um ataque e teve sua parte administrativa destruída por um incêndio criminoso na madrugada da última quinta-feira (6). Diversos livros e materiais foram queimados, e o prédio teve a estrutura física comprometida. A Polícia Civil foi acionada e já investiga o caso. A Funai (Fundação Nacional do Índio) também foi informada. Além de atearem fogo, os criminosos ainda deixaram mensagens na parede com ofensas. Em uma delas, a frase deixada pelos vândalos diz: "Vão tudo tomar no c*".

O prédio alvo do ataque é uma referência no ensino para o povo fulni-ô, fica no sertão do estado e tem em sua grade curricular a língua Yaathe, única língua indígena originária viva no Nordeste.

Segundo Maristela de Albuquerque Santos, coordenadora educacional da unidade, o incêndio atingiu e destruiu quatro compartimentos do bloco administrativo, entre elas a sala de leitura (onde fica a biblioteca)

"Foram momentos desesperadores, principalmente quando vi que em uma das salas estavam os arquivos com as pastas individuais dos estudantes. Ali estava parte da vida de cada cidadão que passou por nossa escola. Milagrosamente nenhum arquivo foi atingido, pois os meninos conseguiram tirar os arquivos com os documentos intactos", afirma. Porém, outros setores não tiveram a mesma sorte. "Até o momento identificamos destruídos mobiliários como armários, estantes, projetores, cadeiras, bureaus e bebedouro. Além disso, livros didáticos e paradidáticos, livro de ponto, pastas de materiais de acompanhamentos e monitoramento e documentos de organização escolar foram destruídos", conta. 

Ela explica que o fogo causou um grande estrago nos telhados e forros da parte administrativa. "Temos rachaduras nas paredes, comprometendo parte da estrutura do prédio", diz. Maristela afirma que o processo de levantamento final do prejuízo ainda será finalizado. "Ainda sentiremos falta de muito mais, mas só poderemos fazer uma busca mais completa, após os trabalhos de perícias policiais", informa. A polícia já abriu inquérito e deve realizar uma perícia no local até amanhã para saber como ocorreu o incêndio.

Com informações do Uol

Partidos de oposição entram com representação contra possível uso eleitoral da inauguração do Hospital de Campanha Covid-19, em Garanhuns, e Ministério Público faz recomendação


O Ministério Público de Pernambuco, por intermédio do Promotor de Justiça Domingos Sávio Pereira Agra, emitiu uma recomendação ao prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, seu vice, Haroldo Vicente, e aos demais agentes públicos municipais, estaduais e federais com atuação no município, para  que, de forma geral, estes se abstenham de usar inaugurações de bens públicos como suposto benefício eleitoral. 

A recomendação é direcionada principalmente a gestores públicos e também a pré-candidatos que disputarão as próximas eleições municipais e foi motivada por uma representação feita ao MPPE pelos partidos PSB, PSD e PDT, que denunciaram suposto uso  eleitoral da inauguração do Hospital Codiv-19, administrado pela Prefeitura de Garanhuns, em favor dos pré-candidatos Silvino Duarte e Haroldo Vicente. Os partidos alegaram violação do Artigo 73 da Lei 9.504/97, que, entre outras coisas, veda o uso, por candidatos e partidos, de bens móveis ou imóveis pertencentes à administração direta ou indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal,  e dos Municípios, 

O MPPE também levou em consideração entre outras coisas que o uso de bens públicos a favor de pré-candidatos, candidatos, partidos políticos ou coligações também possui várias repercussões cíveis e criminais, tais como:

 a)configuração de ato de improbidade administrativa (art. 73, § 7º, da Lei
nº 9504/97 c/c art. 11, inciso I, da Lei nº 8429/92); 

b) tipificação de crimes eleitorais (arts. 346 e 377 do Código Eleitoral, ou art. 11, inciso V,
da Lei nº 6.091/74) cumulado com crimes comuns (art. 312 do Código Penal); c) crime de responsabilidade ou infração político-administrativa (arts. 1º e 4º do Decreto-Lei nº 201-67). 

A RECOMENDAÇÃO FOI FEITA EM CONJUNTO PELAS 2ª PROMOTORIA DE JUSTIÇA DE DEFESA DA CIDADANIA DE GARANHUNS  E PROMOTORIA ELEITORAL DA 56ª ZONA ELEITORAL – GARANHUNS. SEU DESCUMPRIMENTO PODE ACARRETAR MULTA E ENSEJAR  UMA AÇÃO CIVIL PÚBLICA.


PARA CONFERIR A ÍNTEGRA DA RECOMENDAÇÃO CLIQUE http://www.vecgaranhuns.com/p/recomendacao-conjunta-012020.html

PUTIN DIZ QUE FILHA TOMOU E SE SENTE BEM: Rússia anuncia primeira vacina contra a covid-19, mas OMS questiona protocolos


O presidente Vladimir Putin anunciou nesta terça-feira (11) que a Rússia registrou a primeira vacina do mundo contra o novo coronavírus. Ele garantiu que sua filha já tomou a vacina e que ela estará disponível a partir de janeiro. A decisão é questionada e a Organização Mundial da Saúde (OMS) pediu o cumprimento dos protocolos e dos regulamentos.

O Ministério da Saúde russo deu a aprovação regulatória para o produto, desenvolvido pelo Instituto Gamaleya de Moscou, após menos de dois meses de iniciados os testes em humanos.

"Esta manhã foi registrada, pela primeira vez no mundo, uma vacina contra o novo coronavírus", disse Putin durante reunião com membros do governo

De acordo com o presidente, o produto é "eficaz" e superou todas as provas necessárias, além de permitir uma "imunidade estável" face à covid-19. Putin garantiu também que uma das suas duas filhas já recebeu uma dose e que se está se sentindo bem.

"Uma das minhas filhas tomou a vacina", afirmou. "Dessa forma, ela participou da experiência. Depois da primeira vacinação, ela teve 38 graus de febre, no dia seguinte 37, e foi apenas isso".

A Rússia espera agora poder iniciar a aplicação em massa, mesmo que estejam ocorrendo ainda testes clínicos para comprovar a segurança da vacina. As autoridades russas já tinham anunciado que os profissionais de saúde, professores e outros grupos de risco serão os primeiros a serem imunizados.

A vice primeira-ministra da Rússia, Tatyana Golikova, disse que a vacina vai começar a ser administrada a profissionais de saúde, a partir de setembro, e que estará disponível ao público em geral a partir de 1º de janeiro de 2021.

Decisão questionada
Muitos cientistas na Rússia e em outros países, questionaram a decisão de registrar a vacina antes que sejam completada a chamada Fase 3 do estudo - que, por norma, demora vários meses, envolve milhares de pessoas e é a única forma de provar que a vacina experimental é segura e funciona.

Nas últimas semanas, muitos cientistas expressaram preocupação com a velocidade em que estava sendo desenvolvida a vacina. A Organização Mundial da Saúde pediu "diretrizes claras" para o tratamento e o cumprimento dos protocolos e dos regulamentos em vigor. 

As informações são da Agência Brasil

GARANHUNS: Menores que estavam praticando furtos no Viana e Moura são apreendidos pela polícia


Uma ação conjunta da Segurança Solidária, PM e Polícia Civil conseguiu lograr êxito na apreensão de dois menores e de diversos produtos que haviam sido roubados e furtados de residências nos residenciais Antônio Cordeiro e Viana e Moura.
.
A ação foi deflagrada na Cohab 3 após diligências e investigações dos policiais da 2ª Delegacia de Polícia Civil, com o apoio de informações apuradas pelas equipes da Segurança Solidária.

De acordo com as informações apuradas pelo Comando Policial, os jovens são suspeitos de praticarem diversas ações delituosas nos residenciais.

Durante a ação foram apreendidos diversos objetos entre celulares, video-game, notebook e outros pertences. Os menores foram encaminhados à 2ª Delegacia de Polícia 



Com informações do Comando Policial  https://www.comandopolicial.com/

segunda-feira, 10 de agosto de 2020

ÓBITO ESTÁ NO BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DESTA SEGUNDA, 10 DE AGOSTO: Homem de 32 anos é o 54º morador de Garanhuns a falecer em decorrência do novo coronavírus


Um homem de 32 anos é a 54ª pessoa residente em Garanhuns a morrer em decorrência de complicações do novo coronavírus. O óbito ocorreu no Recife nesta segunda, 10 de agosto.  Ainda segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o rapaz residia no Bairro Santo Antônio, no centro da cidade.  O boletim de hoje também traz a informação de 13 novos casos, (o que eleva o número total para 880 casos),  e também 11 novas curas clínicas, o que aumenta o número de pessoas curadas em Garanhuns para 672. Dos 880 casos, 154 são casos ativos, que são aquela pessoas que estão em tratamento contra a doença, seja em isolamento domiciliar ou internação em uma das unidades de saúde da cidade.

Academias do Parque Euclides Dourado, em Garanhuns, voltaram a funcionar nesta segunda, 10 de agosto


Do NE 10 
As academias instaladas no Parque Euclides Dourado, em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco, voltaram a funcionar nesta segunda-feira (10). O horário das atividades do parque passa a ser das 5h às 21h, de segunda a sexta-feira. O equipamento estará fechado nos fins de semana e feriados.

A decisão da reabertura das academias foi tomada pela prefeitura após o anúncio de que o Agreste avançaria no plano de convivência das atividades econômicas com a covid-19.


Os demais espaços do parque, como a biblioteca, as quadras esportivas e o playground, além das atividades esportivas coletivas, permanecem fechados e proibidos, até novos avanços da cidade no plano de convivência.

Os frequentadores do parque devem continuar seguindo as medidas de prevenção contra o novo coronavírus. Também continua o processo de desinfecção do espaço, através de pulverizações com desinfetantes à base de quaternário de amônia, assim como a aferição da temperatura e a conscientização da população sobre o uso obrigatório de máscaras.

Senac oferece vagas em cursos gratuitos de qualificação profissional


O Senac Pernambuco está com inscrições abertas para o preenchimento de vagas em cursos gratuitos de qualificação profissional à distância.  Com aulas na modalidade de Educação à Distância (EAD), por meio do Programa de Senac de Gratuidade, as turmas são direcionadas ao setor do Comércio, com vagas para cursos de Agente de Projetos Sociais, Libras Básico, Representante Comercial e Vendedor.

As inscrições podem ser realizadas pelo portal do Senac EAD (www.ead.senac.br/gratuito). Os interessados devem atender aos pré-requisitos do curso escolhido, aos critérios do PSG, como ter renda familiar per capita de até dois salários. Podem se inscrever pessoas de todo o Estado para as formações que têm carga-horária de 160 horas. 

As vagas são limitadas e estarão disponíveis até o esgotamento. Mais informações sobre as formações podem ser consultadas por meio do site www.ead.senac.br/gratuito, pelo e-mail ead@pe.senac.br e através dos telefones 0800.081.1688, 3413.6728/6729/6730.

Serviço:

Cursos gratuitos de qualificação EAD – Senac Pernambuco

Inscrições: site do Senac EAD: www.ead.senac.br/gratuito;

Mais informações:
- Telefone: 0800.081.1688 ou 3413.6728/6729/6730
- E-mail: ead@pe.senac.br

Lista de cursos disponíveis:

Agente de Projetos Sociais

Libras Básico

Representante Comercial

Vendedor

Brasil deve registrar 625 mil novos casos de câncer até 2022


O envelhecimento da população é um dos fatores que deve impulsionar o crescimento do número de casos de câncer no país nas próximas décadas. Estimativas do INCA (Instituto Nacional de Câncer) projetam, para o triênio 2020-2022, o registro de 625 mil novos casos da doença no período, excluindo os casos de câncer de pele não melanoma. "Conhecer alguns dos sintomas pode ajudar no diagnóstico precoce e aumentar as chances de cura da doença", esclarece Ramon Andrade de Mello, médico oncologista, professor da disciplina de oncologia clínica da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) e da Escola de Medicina da Universidade do Algarve (Portugal).

O especialista destaca que o autoexame da mama é um dos exemplos de medidas que ajudam no diagnóstico precoce: "Uma parcela significativa das mulheres adota o procedimento, que procura identificar nódulos nessa região do corpo. A doença também pode apresentar inchaço ou vermelhidão da pele, entre outros sintomas".

No caso de câncer de intestino, o paciente pode observar sintomas como diarreia ou constipação persistentes. "A perda de peso sem motivo aparente, o aparecimento de sangue nas fezes, náuseas e vômitos também podem indicar a presença de um tumor", explica Ramon de Mello.

No câncer de próstata, os homens sentem alterações no fluxo urinário, como o aumento da sua frequência. A doença pode provocar ainda dor ou ardor durante a micção e até mesmo sangue na urina.

Para o câncer de estômago os pacientes devem ficar atentos para inchaço ou acúmulo de líquido no abdômen, além de azia, indigestão ou úlcera. O médico alerta ainda para sintomas como perda de peso, dor e desconforto abdominal.

"Os fumantes devem manter atenção redobrada para os sintomas de câncer de pulmão", alerta o oncologista. Segundo ele, a doença pode provocar tosse, dor no peito, perda de apetite, tosse com sangue ou mucosa, entre outros.

"O importante é o paciente ficar atento às alterações que podem surgir no organismo. Ele não pode ter medo de fazer uma consulta para uma melhor avaliação. Sintomas novos não indicam necessariamente um câncer", explica o professor da Unifesp.

Sobre Ramon Andrade de Mello
Oncologista clínico e professor adjunto de Cancerologia Clínica da Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Ramon Andrade de Mello tem pós-doutorado em Pesquisa Clínica no Câncer de Pulmão no Royal Marsden NHS Foundation Trust (Inglaterra) e doutorado (PhD) em Oncologia Molecular pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (Portugal)

Pernambuco registrou apenas 247 novos casos de covid-19 nesta segunda, 10 de agosto


Pernambuco registrou, nesta segunda-feira (10), apenas 247 novos casos da Covid-19 e 29 óbitos. Com relação ao número de novos casos, o termo apenas é empregado de maneira adequada porque a média de casos diária no estado há muitos meses tem sido acima das mil notificações.  O estado passa a somar 105.381 pacientes que receberam confirmação da doença e 6.970 mortes de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no estado.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), 40 dos 247 novos casos são de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). Outros 207 são leves, ou seja, de pacientes que não foram internados, estavam na fase final da doença ou já estavam curados.

Com essa soma, o estado passa a ter 24.247 casos graves e 81.134 casos leves.

Do total de 29 mortes confirmadas nesta segunda, 13 ocorreram nos últimos três dias, sendo quatro registradas no domingo (9), seis no sábado (8) e três na sexta (7). Outros 17 óbitos aconteceram entre os dias 26 de junho e 6 de agosto.

Com informações do G1 PE

Dono de posto de combustíveis é morto a tiros na manhã desta segunda na entrada de Brejão


Um homicídio registrado na manhã desta segunda, 10 de agosto, chocou a população do Agreste Meridional, sobretudo a da cidade de Brejão onde o crime ocorreu. De acordo com informações da polícia, um empresário, dono de posto de combustível, identificado como Alfredo, foi a vítima. Ele transitava com uma pick up Strada nas imediações de uma barreira sanitária, que fica na entrada de Brejão, quando foi surpreendido por homens que estavam em um um Gol. Os desconhecidos teriam atirado no empresário que, devido à gravidade dos ferimentos, morreu no local onde foi baleado. A Polícia Civil está investigando o caso e, segundo o portal G1, trabalha inicialmente com a possibilidade de Alfredo ter sido vítima de assaltantes.

Homem é detido após agredir a mãe, ameaçar o pai, invadir a casa do tio e atear fogo na casa da ex, em Saloá

Um homem de 29 anos foi preso na noite do domingo (9) após ameaçar os familiares dele com uma faca no sítio Pau Amarelo, zona rural de Saloá, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, ao chegar no local o suspeito havia sido detido e amarrado por moradores das proximidades.

Ainda segundo a PM, o suspeito esfaqueou a mãe, ameaçou o pai de morte e invadiu a casa do tio. O suposto criminoso também ateou fogo na casa da ex companheira, danificando parte do telhado.

Uma faca foi apreendida e o homem conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Saloá. Ele foi preso em flagrante por violência doméstica, ameaça e dano.

Do G1

domingo, 9 de agosto de 2020

CIDADE SITIADA: Assaltantes atiram em homem de 34 anos em bairro de Garanhuns


Garanhuns continua sitiada por assaltantes, que estão cada dia mais violentos.  Depois de uma série de assaltos em julho e agosto, inclusive um que culminou com um latrocínio ocorrido na última terça, 04,  mais um ato de ousadia foi protagonizado pela marginalidade na zona urbana do município. Na noite deste sábado, 07 de agosto, um homem de 34 anos, que estava na frente da casa onde mora, no bairro Manoel Chéu, foi abordado por dois homens que anunciaram um assalto. A vítima tentou correr, mas foi atingida por um disparo de arma de fogo que a atingiu na perna e mão. Ferido, o rapaz foi socorrido para o Hospital Dom Moura e não corre risco de morrer. Já a dupla de marginais fugiu sem conseguir roubar nada, mas por pouco não roubou uma vida inocente. A Polícia Civil foi informada do assalto e vai investigar o caso. 

As informações são do Portal Policial Agreste Violento https://www.portalagresteviolento.com.br/



FELIZ DIA DOS PAIS


Covid-19 matou mais em quatro meses em Garanhuns que homicídios de janeiro a agosto


Há pouco mais de quatro meses, no dia 07 de abril, o primeiro óbito em decorrência do novo coronavírus era confirmado em Garanhuns. A vítima era jovem, um homem de 48 anos, aparentemente sem comorbidades. De lá para cá, 866 pessoas testaram positivo para Covid-19 e 53 perderam a vida por causa da doença na cidade. 

 120 dias depois do primeiro óbito, os números disponibilizados diariamente pela Secretaria de Saúde do Município mostram que a Covid-19 matou mais, de abril a agosto, que soma dos homicídios ocorridos em Garanhuns durante todo o ano. De 01 de janeiro a 08 de agosto, 41 pessoas haviam sido assassinadas no município. De 07 de abril a 08 de agosto, o novo coronavírus tirou a vida de 53 pessoas residentes em Garanhuns.

sábado, 8 de agosto de 2020

VIDA LONGA AO REI: Gonzaga de Garanhuns completou 77 anos neste sábado, 08 de agosto

Vida longa ao Rei. Gonzaga de Garanhuns
completou 77 anos neste sábado, 08 de agosto


No dia 08 de agosto de 1953, nascia no Sítio Sussuarana, município de São João, Luiz Gonzaga de Lima. Não, não é aquele Luiz, mas não é menos genial que este, pois, se nosso Luiz não é o Rei do Baião, se tornou o Rei do Reisado de Garanhuns e Patrimônio Vivo de Pernambuco.  

Carregando a marca da cidade no próprio nome, Gonzaga de Garanhuns completou 77 anos neste sábado, 08/08, 60 destes dedicados à cultura popular de Pernambuco, através do reisado.  "Parabéns para meu pai Gonzaga de Garanhuns, o Poeta de Cordel, o Mestre de Reisado, Patrimônio Cultural de Pernambuco, Mestre da Cultura Popular Nacional. Hoje, ele completa 77 anos de saber, dedicação à família, ao trabalho e à cultura, sempre com Deus à frente e acima de tudo", escreveu um dos filhos em uma rede social.

Pai de seis filhos, um já falecido, que lhe deram 10 netos e três bisnetas, Gonzaga começou cedo a apreciar reisados acompanhando as apresentações do folguedo na zona rural cidade. Teve como grande incentivador, Manoel Clarindo da Rocha, a quem chama de primeiro mestre. Mas não é só no reisado que reside a genialidade e o talento de Seu Gonzaga. Ele também concilia seu tempo com a produção de literatura de cordel. Em 1973, escreveu o seu primeiro trabalho, “Lampião e Serrinha”. E atualmente possui mais de 350 títulos autorais, alguns expostos em outros países, como Estados Unidos, França e Japão.

Homenagem do  filho João Paulo ao pai, Gonzaga

O PORTAL V&C, QUE AO LONGO DOS SEUS DEZ ANOS DE EXISTÊNCIA SEMPRE RECONHECEU E EXALTOU O TALENTO E A IMPORTÂNCIA CULTURAL DE GONZAGA PARA GARANHUNS E PARA PERNAMBUCO, SE SOMA AOS FAMILIARES E AMIGOS PARA DIZER: VIDA LONGA AO REI.

Homem foi assassinado na noite desta sexta em Garanhuns


Um homem foi morto a tiros ontem , 07 de agosto, em Garanhuns. A informação é do Portal Agreste Violento. Segundo o conceituado site policial, a vítima foi José Gilson Ferreira, vulgo “Pagamento”. Ele tinha 41 anos e foi assassinado próximo de uma residência, na Travessa Luiz Souto Dourado, na localidade da Várzea, no bairro Manoel Chéu, por volta das 21h30.

Familiares do homem contaram que dois elementos se aproximaram numa motocicleta e efetuaram cerca de 06 disparos, vindo ele a óbito ainda no local. Ainda segundo a família, José Gilson, tinha problemas mentais, fazia uso de drogas e trabalhava fazendo bicos no Cemitério São Miguel.

A Polícia Militar realizou rondas e não conseguiu prender os autores do crime. Com mais este homicídio chega a 41 o numero de pessoas assassinadas este ano em Garanhuns

Com informações do Portal Agreste Violento  https://www.portalagresteviolento.com.br/

sexta-feira, 7 de agosto de 2020

Duas mulheres morrem por complicações decorrentes da covid-19 nesta sexta em Garanhuns


A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informou que nesta sexta-feira (07), que foram confirmados dois óbitos por Covid-19, em Garanhuns. O primeiro caso é de uma mulher de 77 anos, moradora do bairro Severiano Moraes Filho, que já havia sido diagnosticada com a doença e veio a óbito hoje, em unidade da rede pública estadual em Caruaru. O segundo óbito foi de outra mulher, de 71 anos, moradora do bairro Heliópolis, também já era confirmada, e veio a óbito em unidade da rede pública estadual em Garanhuns. Também foram confirmados nesta sexta (07) outros 11 casos de Covid-19.  

Com os dados desta sexta, 07, Garanhuns tem agora 862 casos de Covid-19. Deste total 53 pessoas vieram a óbito, 661 estão recuperadas após cumprir o período de isolamento domiciliar e não apresentar mais sintomas; e 148 pessoas que foram confirmadas com Covid-19 estão em fase de tratamento

Quatro meses após primeiro caso, informações divulgadas pelo MPPE mostram como prefeitura, governo do estado e hospitais de Garanhuns vêm enfrentando a pandemia de covid-19 no município


Nesta sexta, 07 de agosto, o primeiro caso de covid-19 registrado em Garanhuns, e que acabou resultando no primeiro óbito no município, completa quatro meses. De lá pra cá, muita coisa mudou com relação ao avanço da pandemia e principalmente no combate à doença.  Baseado em informações de uma reunião ministerial da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania, do dia 30 de julho, que fez acompanhamento das ações de saúde dos entes públicos e privados em Garanhuns frente à COVID-19, o portal traz nesta publicação um balanço desses 120 dias que nos separam da confirmação do primeiro caso e primeiro óbito por covid-19.

DOS 851 CASOS, 117 FORAM CONSIDERADOS GRAVES
Dos 851 casos registrados em Garanhuns 117 foram considerados graves, que são aqueles que evoluem para uma síndrome respiratória aguda grave. Até a noite desta sexta, 07, dos 851 casos, 51 são óbitos e 661 são curas clínicas. (NÃO ESTÃO INCLUSOS OS CASOS E OS ÓBITOS CONFIRMADOS NESTA SEXTA) 

HOMENS SÃO MAIORIA NOS ÓBITOS E NO NÚMERO DE CASOS EM GARANHUNS
Os homens são a maioria no número de casos de covid-19 em Garanhuns. De acordo com levantamento feito por uma sanitarista na ultima reunião do MPPE, 51,61% dos casos (dados atualizados até 24 de julho) são de homens. Quando falamos em óbitos por sexo, a diferença é ainda maior: 60,47% dos óbitos por covid-19 em Garanhuns são de pessoas do sexo masculino enquanto 39,53%  são do sexo feminino. De acordo com a sanitarista da prefeitura, foi observado que essa prevalência de mais mortes no sexo masculino é registrada também em outros lugares e não se sabe ainda os motivos, se são genéticos, ou por maior exposição dos homens


COMORBIDADES E TAXA DE INFECTIVIDADE
As principais comorbidades por covid-19 em garanhuns (registrando que algumas pessoas apresentam mais de uma comorbidade) são: Doença Cardíaca/vascular -11 casos, Diabetes - 9, Hipertensão arterial – 9; entre os mais jovens que vieram a morte por Covid-19 em Garanhuns, as comorbidades que mais se verificaram foram tabagismo, obesidade e doença renal.  A  taxa de infectividade no período de (07/04 a 24/07) passou de 3,5 (uma pessoa infectava, em média, 3,5 pessoas) para 1,5 (redução que atribui às medidas preventivas – distanciamento, máscaras, e outras). O Governo Municipal disse ainda na reunião que a taxa de infecção pode voltar a subir se houver relaxamento das medidas de prevenção. Ainda segundo informações reveladas na reunião do MPPE, o número de casos aumentou após a abertura do comércio, mas o número de óbitos não.   Foi verificado também que os profissionais de saúde de Garanhuns já possuem mais informação e melhor manejamento dos casos, o que contribuiu para a diminuição de mortes 


SITUAÇÃO DOS HOSPITAIS DE GARANHUNS QUE ATENDEM PACIENTES COM COVID-19 

Situação do hospital de campanha de Garanhuns administrado pela prefeitura
O hospital de campanha covid-19, que funciona na Cohab 2, conta com equipe disciplinar completa na unidade – médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, nutricionistas, fisioterapeuta e assistente social na unidade, em regime de plantão.  Conta atualmente com  dez respiradores mecânicos. Todos foram testados e prontos, mas, até o dia 30 de julho, não havia sido  ainda necessária a utilização dos referidos equipamentos.


Hospital Infantil Palmira Sales
Começou a receber pacientes dia 20 de julho; conta com 18 Leitos Retaguarda Covid sendo 6 leitos para pacientes com SRAG (com 2 respiradores) e 12 leitos para pacientes com síndrome gripal; esses leitos são autogestão, os pacientes vêm dos postos, de casa ou encaminhado por médicos que trabalham na unidade ou sabem que o hospital está recebendo. Conta com equipe preparada para receber os pacientes e com laboratório (CITOCORE) para realização dos exames.

Hospital Dom Moura
Mantém 10 leitos de UTI COVID; 10 leitos de enfermaria da pediatria; 10 leitos de enfermaria adulta. Há pactuação com o município, o qual mantém 15 leitos para SRAG – síndrome respiratório aguda grave na sua unidade Covid, e com o Hospital Infantil, o qual mantém 6 leitos SRAG; sendo necessário os pacientes são direcionados para essas duas unidades de suporte; o fluxo com o Município de Garanhuns, como os demais, corre tranquilo; todos os 275 leitos pactuados na região foram implantados; mantém contato com os municípios para as transferência necessárias,  tem procurado divulgar amplamente o “atende em casa”;Garanhuns dobrou sua testagem pelo “atende em casa” e acredita que irá aumentar.


Hospital Monte Sinai 
Mantém 9 leitos de UTI (graves e média gravidade) e 9 de retaguarda.

Hospital Perpétuo Socorro
Iniciou o atendimento com 10 leitos de UTI  em julho,  com regulação pelo Estado, estando com média de ocupação de 80%;( dados de 30 de julho) recebe pacientes em situação grave, inclusive com comorbidades renais, em face do perfil do hospital. Que ainda não teve necessidade abertura de mais leitos de UTI, mas que tem espaço para abrir mais 10.

 UPA-E
 A taxa  de ocupação no dia 31 de julho era a seguinte:  leitos de enfermaria de 5% do total de 40 leitos; e de 60% de UTI do total de 10 leitos); os leitos são regulados tratam- pelo Estado



TESTES COVID-19
A Coordenadora de Vigilância em Saúde do município, Michele Pascoal, informou na reunião que desde o dia 17 de julho iniciou em Garanhuns o programa estadual “atende em casa”, regulado pelo estado, com as marcações dos testes pelo app, feitos nos postos de coleta e insumos disponibilizados pela V Geres. Recebeu 40 Swabs do “atende em casa”, realizando 35 testes RT PCR após consulta pelo app, além de 26 testes rápidos também marcados por esse aplicativo. Que com a AMUPE foi formalizado acordo este mês, com os testes para início em agosto, conforme protocolo que está sendo finalizado; o município recebeu 280 swabs da Amupe e já realizou 19 desses testes, com pessoas com até dez dias de sintomas; os testes rápidos são feitos depois de sete dias de sintomas. Que as prioridades são de idosos, pessoas com comorbidades prévias e gestantes de alto risco e passam por orientação médica, pelo que as pessoas são orientadas a passarem pelos postos de horários estendidos e o médico é quem encaminha para teste RT PCR ou teste rápido. Receberam 2.660 testes rápidos do Ministério da Saúde, realizando 2.280, com 380 em saldo já marcados para serem feitos. Que a Prefeitura está providenciando para os próximos dias a aquisição de 10.000 testes rápidos com recursos próprios.
(DADOS EXTRAÍDOS DA ATA DE REUNIÃO DO MPPE REALIZADA EM 30 DE JULHO PARA TRATAR DO COMBATE À COVID EM GARANHUNS )




ATUALIZAÇÃO DOS DADOS INCLUINDO INFORMAÇÕES DO BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DESTA SEXTA,  07 DE AGOSTO

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informou que nesta sexta-feira (07), que foram confirmados dois óbitos por Covid-19, em Garanhuns. O primeiro caso é de uma mulher de 77 anos, moradora do bairro Severiano Moraes Filho, que já havia sido diagnosticada com a doença e veio a óbito hoje, em unidade da rede pública estadual em Caruaru. O segundo óbito foi de outra mulher, de 71 anos, moradora do bairro Heliópolis, também já era confirmada, e veio a óbito em unidade da rede pública estadual em Garanhuns. Também foram confirmados nesta sexta (07) outros 11 casos de Covid-19.  

Com os dados desta sexta, 07, Garanhuns tem agora 862 casos de Covid-19. Deste total 53 pessoas vieram a óbito, 661 estão recuperadas após cumprir o período de isolamento domiciliar e não apresentar mais sintomas; e 148 pessoas que foram confirmadas com Covid-19 estão em fase de tratamento


quinta-feira, 6 de agosto de 2020

LUTA CONTRA O VÍRUS: Sem óbitos nesta quinta, 06 de agosto,Garanhuns registra mais 11 novos casos de covid-19 e celebra mais 10 novas curas


A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informou via nota que nesta quinta-feira (06), foram confirmados mais 11 novos casos de Covid-19 em Garanhuns. Não foram registrados óbitos hoje e mais 10 pessoas estão recuperadas da doença. Até esta quinta, 06 de agosto, já haviam sido confirmados 851 casos de Covid-19 em Garanhuns. Deste total 51 pessoas vieram a óbito, 661 estão recuperadas.

MUNICÍPIO ADQUIRIU LOTES DESTES MEDICAMENTOS: Promotor se mostra preocupado com uso da cloroquina e ivermectina no tratamento de pacientes com covid-19 no Hospital de Campanha da Prefeitura de Garanhuns


Desde o início da pandemia do novo coronavírus que a discussão sobre a eficiência ou não da cloroquina, e mais recentemente da ivermectina no tratamento da covid-19, tem dividido o país entre aqueles que acreditam na eficácia desse tipo de medicação e outros que veem com ceticismo e preocupação o possível uso indiscriminado do remédio, sem que haja uma comprovação científica de que ele exerça algum tipo de melhora nos pacientes acometidos pela doença que já matou quase cem mil pessoas no Brasil. 

Dentre os que veem o uso da cloroquina e ivermectina com preocupação está o promotor de justiça Édipo Soares Cavalcante Filho. Ele é Coordenador do CAOP - Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Saúde do MPPE e tem participado de reuniões on-line promovidas pela 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania para tratar das medidas de combate à covid-19 aqui em Garanhuns. No último encontro, ocorrido dia 30 de julho, Édipo alfinetou a Prefeitura de Garanhuns com relação ao assunto. É que o Secretário executivo da Secretaria de Saúde, Harley Davidson revelou que o município estaria entregando um kit com Azitromicina, Cloroquina, Ivermectina, analgésicos e antitérmicos, a pacientes do Hospital de Campanha do município, deixando claro deixando claro que a prescrição é a critério médico e de acordo com o consentimento livre do paciente que queira fazer uso desses medicamentos. 

Após a fala de Davidson, o Coordenador do CAOP indagou como o município está dispensando essa medicação, pois, segundo ele, preocupa o possível uso indiscriminado desses medicamentos e a necessidade de informar claramente o paciente de que não há evidência científica da eficácia de qualquer medicamento no tratamento da Covid.  

O promotor ainda perguntou ao município  se está sendo garantido o fornecimento da cloroquina aos pacientes para os quais já há prescrição médica, como é o caso do lúpus eritematoso sistêmico e artrite reumátóide  O secretário executivo da Secretaria de Saúde disse  que a cloroquina e os demais medicamentos foram adquiridos por solicitação dos profissionais médicos da rede municipal, sem prejuízo das compras realizadas rotineiramente com recursos da assistência farmacêutica e embasada em nota informativa do Ministério da Saúde.

O promotor insistiu em saber se a população está sendo informada de que não existe medicamento com eficácia comprovada contra a Covid 19. Harley afirmou que os médicos prescrevem com consentimento do paciente (que assinam termo de consentimento) e que a medicação mencionada seria uma “tentativa terapêutica de aliviar os sintomas da Covid-19”. 

Em reuniões anteriores o promotor Édipo Soares já havia se mostrado contra o uso da cloroquina por médicos, sem que se tenha alguma comprovação científica de que o medicamento faça efeito no tratamento da covid-19. A DISCUSSÃO AINDA VAI LONGE

VAQUEJADA ESTÁ INCLUSA: Governo de Pernambuco anuncia datas de retomada de cursos livres e competições esportivas individuais sem público


O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Educação e Esportes, divulgou, nesta quinta-feira (06.08), as datas para retomada gradual das aulas presenciais de cursos livres (cursos de línguas, cursos técnicos, qualificação profissional e outros) e da liberação de competições esportivas individuais, desde que sem público. Os cursos técnicos de nível médio, que compõem a educação básica, não estão contemplados nesta fase de reabertura.

A retomada das competições esportivas individuais acontece a partir desta segunda-feira (10.08). A vaquejada, embora seja uma atividade cultural, no plano de convivência está equiparada aos esportes individuais e poderá também ser praticada a partir desta data. No entanto, a entrada do público permanece suspensa por tempo indeterminado.

O retorno das aulas presenciais dos cursos livres acontecerá de forma escalonada, com a primeira etapa no dia 17 de agosto. Nessa fase, estão autorizados apenas estudantes a partir de 18 anos de idade e as instituições de ensino só poderão receber até 25% da capacidade. Não estão autorizados os cursos preparatórios para o ENEM, SSA e outros vestibulares ou disciplinas específicas.

No próximo dia 24 de agosto, as instituições ofertantes de cursos livres poderão receber até 50% dos seus estudantes, com idade mínima de 15 anos. No dia 31, a rede poderá contar com 75% do corpo discente, com alunos a partir de 11 anos de idade. No dia 8 de setembro, passarão a ser atendidos 100% dos estudantes.

“A decisão foi tomada após criteriosa análise dos números da pandemia no Estado, e as instituições de ensino deverão obedecer ao protocolo setorial de segurança, respeitando as orientações sobre distanciamento social e as medidas de proteção e prevenção. É importante ressaltar que o gabinete de enfrentamento à Covid-19 está monitorando o número de casos e, se necessário, a evolução das etapas de retomada pode ser reconsiderada”, disse o secretário de Educação e Esportes, Fred Amancio.

As aulas da educação básica e do ensino superior seguem suspensas até o dia 15 de agosto, e ainda não há uma definição sobre a data de retorno. Um plano de retomada está em fase final de elaboração e será divulgado em breve.

PM é rendido e tem carro e arma levados por assaltantes nesta quinta em Garanhuns


Um policial militar foi vítima de assalto na manhã desta quinta-feira, 6 de Agosto, em Garanhuns. A vítima teria 57 anos e foi abordada por dois homens quando estava dentro de seu veículo. Ainda segundo informações, os assaltantes estavam armados com pistola e anunciaram a ação criminosa, levando o veículo do PM, além de pertences e de uma pistola pertencente ao policial. O roubo ocorreu próximo à Caixa Econômica da Avenida Rui Barbosa. Até o fechamento desta publicação os autores do assalto não haviam sido localizados.

As informações são do Portal Agreste em Alerta http://www.agresteemalerta.com.br/

Sivaldo Albino confirma oficialmente que será candidato a prefeito de Garanhuns nas eleições deste ano


O deputado estadual Sivaldo Albino realizou uma Live na noite desta quarta-feira (05) em seu Facebook, ao lado dos presidentes dos partidos que fazem a Frente Popular no município, onde declarou oficialmente que é pré-candidato a prefeito de Garanhuns. Foi a primeira vez que Albino assumiu publicamente a postulação. A Live aconteceu sob as regras e cuidados de prevenção da pandemia.

O deputado iniciou a Live com um momento de oração pelas vítimas da Covid-19, fazendo também um breve relato de sua atuação parlamentar neste período junto ao Governo do Estado, o que possibilitou diversos investimentos no Hospital Regional Dom Moura, Hospital Nsa. Sra. Perpétuo Socorro, UPAE Garanhuns e também no hospital de campanha do município.

"Estamos aqui ao lado de Dorgival Figueiredo (PSB), Paulo Couto (PDT) e Rafael Peixoto (PSD), e aproveito para agradecer também o apoio do PCdoB, com sua presidente Isabella, para apresentar a Garanhuns nosso nome como pré-candidato a prefeito. Este projeto nasceu da participação de todos, principalmente do meio da sociedade, da população, que assim como nós, também querem a mudança, um novo olhar para Garanhuns, uma nova gestão, mais participativa e eficiente", Afirmou o agora pré-candidato a prefeito.

Albino contou um pouco de sua história, nascido em Garanhuns, começou a trabalhar como garçom e depois foi fiscal em uma empresa de transporte urbano. "Foi onde aprendi a ouvir. Conversava com as pessoas, comecei a buscar formas de atender estas necessidades, e o caminho foi a política. Primeiro vereador, presidente da Câmara, e agora deputado, mas já com o pensamento, a vontade e o projeto de ser prefeito da cidade que nasci, para continuar atendendo às pessoas que precisam da presença do poder público municipal", revelou o deputado. 

Com informações da assessoria do parlamentar

O ADEUS A JÚNIOR CHAVES E A DOR DE QUEM PERDE UM FAMILIAR PARA A DOENÇA QUE JÁ MATOU QUASE 7 MIL PESSOAS EM PERNAMBUCO: "Perdi meu companheiro, minha vida, meu amor", diz esposa de homem que morreu vítima de covid-19 em Garanhuns

Junior Chave e sua esposa, Luciana
Foto - Arquivo Pessoal

Garanhuns viveu entre a sexta, 31 de julho, e o domingo, 02 de agosto, um dos finais de semana mais dramáticos em relação à mortes provocadas pela covid-19. Na sexta, pai e filho morreram com um intervalo de menos de meia hora entre os dois óbitos. No sábado, marido e mulher, já idosos, não resistiram às complicações causadas pela doença e faleceram. No meio dessas duas tragédias familiares, a cidade ainda seria surpreendida por uma outra perda. Francisco Chaves dos Santos, o popular Júnior Chaves, de 54 anos, faleceu no domingo, 02/08, também em decorrência de complicações causadas pelo novo coronavírus, deixando uma dor descomunal e imensurável no coração daqueles que o amavam. 

Quatro dias após aquele final de semana terrível, Luciana, a esposa de Júnior, tenta se reerguer, mas não está sendo fácil. As lembranças de  mais de 30 anos de uma união marcada por alegrias, amor e companheirismo, em contraponto à forma repentina e dramática como o marido perdeu a luta contra a covid-19, abriram uma ferida emocional nela e em sua família que ainda vai demorar muito a cicatrizar.  


Júnior Chaves com a família
Foto: arquivo pessoal
Na última terça feira, 04 de agosto, conversamos com Luciana, que fez um relato emocionante dos seus últimos momentos ao lado do esposo e de como ele sucumbiu à uma doença que continua infligindo  sofrimento a milhares de famílias no país. CONFIRA ABAIXO OS PRINCIPAIS TRECHOS DA CONVERSA


MARIDO, PAI E AVÔ EXEMPLAR 
Júnior Chaves é citado pela espola como um marido, pai e avô exemplar, cheio de vida e brincalhão, que deixou muitos sonhos pra trás. "Ele tinha muito a realizar.  Sonhava em viajar com minha mãe quando melhorasse. Era um homem incrível, batalhador, chato nas horas de ser chato, amoroso nas horas que era preciso ser. Alegre e comunicativo, era muito conhecido e adorava comemorar momentos felizes com os amigos. E amigos ele tinha muitos. Fazia amizade até com o vento, inclusive com as crianças" frisou a viúva. Já a filha revelou que Júnior só tinha um neto, mas vivia pedindo mais a ela e ao irmão. Conta emocionada que Júnior tinha uma relação especial e um carinho grande pelas crianças, que o chamavam de Tio do Pirulito.  "Meu pai amava muito todos nós. Simplesmente partiu e agora fica como legado os ensinamentos que ele deixou. Está sendo horrível lidar com essa perda tão grande. Ele se foi, o covid-19 o levou e levou um pedaço de nós junto", revelou a filha.


ELE NÃO ACREDITAVA NA GRAVIDADE DA PANDEMIA
Emocionada, Luciana, a esposa, disse que Júnior, inicialmente não acreditou na gravidade da pandemia. "Ele lutou até onde podia e não se entregou em nenhum momento, mas o fato é que meu marido não respeitou a gravidade da pandemia. Chamava a covid-19 de Corolla e quando saía dizia que ia dar uma volta de Corolla. De fato, acabou fazendo uma viagem de “Corolla”, só que, desta vez, não voltará mais", desabafou a viúva.


SINTOMAS COMEÇARAM FINAL DE JUNHO, E PRIMEIRO TESTE PARA COVID-19 DEU FALSO NEGATIVO
Os sintomas que culminaram com a morte de Júnior começaram no final de junho, inicialmente com uma falta de ar. "Brigamos pra levá-lo ao médico, mas ele se recusou. Inicialmente porque ele não gostava de ir ao médico e começou a tomar remédio por conta própria, acreditando que iria se recuperar sozinho. Segundo, porque o primeiro teste da covid dele, feito dia 17 de julho, deu negativo. Entretanto, nós enquanto família tínhamos certeza que era um falso negativo, pois os sintomas só aumentavam todos os dias com uma tosse forte que não parava", revelou Luciana. 

LUCIANA DIZ QUE ESPOSO IGNOROU O ISOLAMENTO
Mesmo com os problemas de saúde se agravando, Luciana revelou que Júnior continuou lutando contra o óbvio. Que algo estava errado com seu corpo e que era preciso procurar ajuda médica. A viúva disse que, mesmo debilitado e com sintomas de covid-19, o esposo saia de casa, ignorando o isolamento, fato que era desaprovado por todos da família.

A INTERNAÇÃO EM UM DIA E A MORTE NO OUTRO
"No dia 31 de julho meu esposo estava muito mal, muito mal mesmo, sem conseguir dormir, sentindo falta de ar e tosse. Mesmo assim, teimoso como era, só no dia seguinte, no sábado, 01 de agosto,  ele resolveu procurar um médico aqui no posto de saúde. Como já estava muito debilitado, foi encaminhado direto para a UPAE, onde foi diagnosticado com o vírus, já ficando internado".

A ÚLTIMA CONVERSA COM O MARIDO FOI POR VÍDEO CHAMADA
 Luciana conta que, no sábado, 01 de agosto, a equipe da UPAE fez uma vídeo chamada para a família e que na ligação viu um Júnior aparentemente bem. A esposa revelou que, ao ver o marido sem estar intubado, e de bom humor, achou que o pior já havia passado. O desfecho, infelizmente, não seria assim. Na madrugada, por complicações ocasionadas pela covid-19, Júnior teve uma parada cardíaca. Reanimado, foi transferido para o Hospital Dom Moura. Ele ainda chegou a ser intubado, mas teve uma parada cardiorrespiratória por volta das 05h30min do domingo, 02 de agosto e faleceu. "Essa doença é assim. Uma vez diagnosticada, ela vai comprometendo os órgãos vitais. No caso do meu marido, ela comprometeu o coração levando-o à morte. Descobrimos após exames que ele era diabético e, possivelmente, tinha pressão alta. Isso deve ter contribuído para o desfecho que ninguém esperava", disse Luciana.

 A FALTA DE  UMA DESPEDIDA DÓI
Uma das coisas que tem dificultado a superação para aqueles que perdem alguém para a covid-19 é a falta de uma despedida. O paciente acometido com o vírus é imediatamente isolado de seus parentes, privando-o do calor humano, do abraço, do afago, de um aperto na mão dos que o amam. Na morte ocorre o mesmo. Não há velório e o enterro é realizado às pressas, logo após o óbito. "Não tive oportunidade de me despedir dele. A última vez que falei com meu marido foi através de vídeo chamada e, no outro dia, ele morreu. O que me dói mais é não termos podido dar a ele um velório e um enterro digno, como ele merecia.  Perdi meu marido muito rápido e dói muito não poder ter dado adeus", desabafou Luciana. 

A viúva encerrou a conversa com o portal pedindo às pessoas para não ignorarem a covid-19. "A doença é gravíssima e perigosa.  Ela nos tira, de maneira repentina, as pessoas que mais amamos  e isso é terrível", encerrou, Luciana. Até o fechamento desta publicação, Garanhuns já havia registrado 51 vítimas da covid-19. Francisco Chaves dos Santos foi a 49ª. Triste estatística.


Luciana prestou homenagem ao esposo em uma rede social

quarta-feira, 5 de agosto de 2020

Garanhuns passa dos 50 mortos pela covid-19 nesta quarta, 05 de agosto. Homem de 40 anos foi a 50ª vítima da doença


A cidade de Garanhuns atingiu nesta quarta, 05 de agosto, a triste marca dos 50 mortos. 51 para ser mais exato.  De acordo com Secretaria Municipal de Saúde, foram confirmados dois óbitos por Covid-19, no boletim desta quarta, em Garanhuns. Tratam-se de um homem de 40 anos, morador do bairro Francisco Figueira, a Cohab II. Ele que veio a óbito no dia 26/07. A outra morte é de uma mulher de 93 anos, moradora do bairro José Maria Dourado, que veio a óbito no dia 27/07. Ambos foram confirmados para Covid-19 ontem (04), pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE). Entre a terça e a quarta foram confirmados mais 12 novos casos de covid-19. Agora a cidade tem 840 casos da doença, com 651 recuperadas e 138 atualmente em tratamento.

terça-feira, 4 de agosto de 2020

UFAPE, EMBRAPA e IPA realizam ações para introdução da cultura do plantio de uva na Microrregião de Garanhuns


O plantio de um vinhedo experimental com dez cultivares de uvas finas para vinho na Estação Experimental de Brejão – IPA em 2013, iniciou uma parceria entre a Embrapa Semiárido, UAG-UFRPE (atualmente UFAPE) e o Instituto Agronômico de Pernambuco-IPA para o desenvolvimento da cultura da videira no Agreste Meridional de Pernambuco. O planejamento da ação partiu da pesquisadora Patrícia Coelho de Souza Leão, o professor Mairon Moura da Silva e do gerente da Estação José Peroba de Oliveira. 

Porém, ao longo do tempo outros professores da agora UFAPE somaram para a geração de tecnologias adaptadas à microrregião, entre eles César Auguste Badji, Gustavo Pereira Duda, Daniela Moreira de Carvalho, Ueder Pereira Lopes, José Romualdo de Sousa Lima, Keila Aparecida Moreira, Luciares Costa de Araújo, Mirko Salomon Chavez Gutierrez e Erika Valente de Medeiros. As vinificações ocorreram no Laboratório de Enologia da Embrapa Semiárido coordenado pela pesquisadora Aline Telles Biasoto Marques com cooperação da Professora do Curso de Viticultura e Enologia do IF Sertão Ana Paula André Barros.

Por sua vez, a Vinícola Vale das Colinas, localizada na região, implantou uma área produtiva com três das cultivares estudadas no experimento e criou uma área experimental para mais três outras cultivares. Segundo o prof. Mairon Moura muitos desafios surgiram para o desenvolvimento de tecnologias de manejo das videiras adequadas ao nosso clima e solo durante o processo de realização das ações.

A cultura da videira além dos empregos diretos e indiretos, traz o enoturismo para região associado ao clima, festivais e outros eventos consagrados. Tal potencial tem despertado o interesse de produtores da região, principalmente a partir dos últimos três anos com os resultados obtidos pelos trabalhos de pesquisa, demonstrando o impacto econômico da ação. O próximo passo para o avanço da vitivinicultura é a obtenção de financiamentos para estudos com outras cultivares não só para vinificação, mas também para sucos integrais e frutos para mesa, e suas tecnologias.

Na área experimental em Brejão foram defendidas quatro dissertações coorientadas por Mairon Moura do Programa em Pós-Graduação Melhoramento Genético de Plantas (UFRPE) sob orientação das professoras Rosimar dos Santos Musser e Luiza Sueli Martins Semen, e do Programa em Pós-Graduação em Produção Agrícola (UFAPE) orientadas pelos professores Gustavo Pereira Duda e José Romualdo de Sousa Lima. Do Programa de Iniciação Científica da UFRPE foram oito alunos, além dos voluntários e do Grupo de Trabalho em Fruticultura, aulas práticas das Disciplinas Fruticultura e Viticultura do Curso de Agronomia da UFAPE. Os vinhedos da estação experimental do IPA e da Vinícola Vale das Colinas também têm sido utilizados como local de demonstração para produtores interessados em cultivar, apreciadores da cultura e do vinho, e capacitação de mão de obra. 
Foto 2. Poda da área experimental da Estação Experimental de Brejão com a participação dos alunos do Grupo de Fruticultura (Curso de Agronomia da UFAPE). Brejão, 2019.

Outras ações estão sendo desenvolvidas pelos professores/pesquisadores da UFAPE com uvas viníferas:

. Adaptação de cultivares viníferas às condições da Microrregião de Garanhuns; fenologia; manejo e produção; caracterização física e química dos cachos; e indicação de cultivares.

. Estudo da dinâmica das doenças da videira no Agreste de Pernambuco que devido ao clima muito característico, com o inverno chuvoso, encontram um conjunto de condições muito peculiar. Tais informações validarão medidas de manejo das doenças sustentáveis adaptadas à região, dando suporte aos produtores e uma atuação eficiente, e consciente.

. Avaliação de parâmetros de solo relacionados ao Terroir sobre a produtividade e qualidade do vinho de diferentes uvas viníferas. Destacam-se como ações a quantificação de nutrientes por fluorescência de raios-X, a avaliação da dinâmica dos nutrientes a microbiota do solo, a quantificação do estoque de carbono e fósforo orgânicos, o monitoramento do fluxo de CO2 do solo, a capacidade de extração de nutrientes de diferentes cultivares de uva cultivadas na microrregião de Garanhuns. 

. Determinação da evapotranspiração (ETc) e do coeficiente de cultivo de videiras (Kc) no Agreste de Pernambuco. O Kc e ETc serão usados para o manejo correto da irrigação, diminuindo custos e aumentando a produtividade, uma vez que não serão utilizados valores de outras regiões como o Vale do São Francisco. 

. Acompanhamento e análise do custo de implantação e produção de uvas viníferas em Garanhuns.

. Prospecção biotecnológica de resíduos vinícolas. 

. Desenvolvimento de frutas estruturadas e balas comestíveis a partir das polpas das diferentes viníferas. 

. Conservação e condicionamento de produtos agroindustriais pela ação do frio. 

. Uso do biochar como alternativa aos insumos e utilização dos resíduo


As informações são da UFAPE
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...