CLIQUE NO BANNER E SEJA REDIRECIONADO PARA O SITE DA PREFEITURA

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Prefeitura de Garanhuns faz esclarecimentos sobre contração de empréstimo de 5 milhões de reais junto ao Banco do Brasil e revela onde vai aplicar o dinheiro


Tramita nas comissões da Casa Raimundo de Moraes o Projeto de Lei 034/2017. Oriundo do Poder Executivo Municipal, a proposta visa obter a autorização da Câmara Municipal para que a Prefeitura de Garanhuns possa contrair um financiamento de 5 milhões de reais junto ao Banco do Brasil. ENTENDA MELHOR AQUI. Após a publicação da matéria no V&C, o Governo Municipal enviou nota com esclarecimentos acerca do empréstimo.

De acordo com a prefeitura, o prazo para o pagamento do financiamento é de 60 meses, (cinco anos) descontados direto do FPM. Ainda segundo a nota, a destinação do dinheiro, no valor de 5 milhões de reais, será a seguinte: 1 milhão de reais, para a conclusão da Escola Municipal Padre Agobar Valença; 1 milhão de reais, para Secretaria de Infraestrutura, que será encaminhado para a Gerencia de Iluminação, e os 3 milhões de reais restantes, para obras de Infraestrutura no bairro Francisco Figueira (Cohab 2). A Prefeitura esclareceu ainda que o empréstimo faz-se necessário devido às dificuldades financeiras enfrentadas pelo município, desde o bloqueio de recursos, em junho, em decisão judicial referente à gestão anterior. 

CONFIRA A ÍNTEGRA DA NOTA DE ESCLARECIMENTO 
"A Prefeitura de Garanhuns informa que está encaminhando Projeto de Lei à Câmara de Vereadores para apreciação dos legisladores, em que solicita a autorização para contrair empréstimo junto ao Banco do Brasil, a ser pago em um prazo de 60 meses, descontados direto do FPM. 

A destinação do dinheiro, no valor de 5 milhões de reais, será a seguinte: 1 milhão de reais, para a conclusão da Escola Municipal Padre Agobar Valença; 1 milhão de reais, para Secretaria de Infraestrutura, que será encaminhado para a Gerencia de Iluminação, e os 3 milhões de reais restantes, para obras de Infraestrutura no bairro Francisco Figueira. 

A Prefeitura esclarece ainda que o empréstimo faz-se necessário devido às dificuldades financeiras enfrentadas pelo município, desde o bloqueio de recursos, em junho, em decisão judicial referente à gestão anterior. A Secretaria de Finanças, de forma muito responsável, avaliou os impactos financeiros, pesados aos benefícios dos serviços e obras que serão realizados por meio do empréstimo, trazendo mais qualidade de vida aos moradores de Garanhuns."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...