sexta-feira, 30 de setembro de 2016

ELEIÇÕES EM GARANHUNS: Izaías não comparece e debate da Rádio Jornal é marcado por ataques de Camelo a Sivaldo e por críticas ao Governo Municipal


A Rádio Jornal realizou, na noite desta quinta, 29 de setembro, o último debate entre os candidatos a prefeito de Garanhuns. Como ocorreu nos dois encontros anteriores, o prefeito Izaías Régis (PTB), que vinha tendo sua presença anunciada na chamada da rádio, não compareceu.  Mas engana-se quem pensa que a ausência de Régis o blindou da artilharia pesada de seus adversários. As críticas a atual administração municipal, além dos ataques incisivos de Paulo Camelo (PCB) a Sivaldo Albino (PPS), pautaram o debate.  Valter Couto (PDT) e Claudomira (DEM) mostraram preparo e serenidade. Esta última com um tom firme e seguro desferiu pesadas críticas a forma como Izaias Régis vem conduzindo os destinos de Garanhuns, sobretudo no que se refere à saúde.

O encontro na Rádio Jornal começou por volta das 20 horas com a mediação do radialista Igor Maciel. Foram sorteados diversos temas, tais como Emprego, Saúde, Segurança, entre outros. E foi justamente Emprego e Saúde que geraram as maiores críticas a Izaías. De acordo com Camelo e Claudomira, sequer uma fábrica de pipoca foi instalada em Garanhuns na atual gestão municipal. Para Claudomira, não adianta só fazer calçamento se as pessoas não conseguem arrumar emprego para obter o seu sustento.  Já Camelo disse que pretende incentivar a geração de emprego na cidade através do turismo com criação de um teleférico, jardim botânico, entre outras benfeitorias. 

Sivaldo reforçou a importância de firmar uma parceria com os Governos Federal e Estadual afim de obter mais investimentos para Garanhuns. Criticou o prefeito Izaías Régis no que se refere a seara da saúde municipal, direcionando uma pergunta nesse sentido a Claudomira. Com a ausência de Izaías, o vereador foi o alvo predileto e unilateral de Paulo Camelo. "Você critica Izaías, mas separa as críticas. porque não vejo você questionando o contrato da Locar, nem a concessão de 30 anos dada a São Cristóvão para explorar o transporte coletivo em Garanhuns". Sem se exaltar, Sivaldo afirmou que trabalhou durante 10 anos na São Cristóvão, época da qual tem orgulho. Respondeu a Camelo dizendo que é vereador e não prefeito para interferir nos contratos da Locar e São Cristóvão, prerrogativa esta, segundo ele, do gestor municipal.  "O reajuste das passagens não passa pela Câmara Municipal. É atribuição do Poder Executivo. Quanto a Locar não sou prefeito para interferir no contrato. Reconheço que a Locar presta um grande serviço à cidade,mas temos que discutir o preço" frisou Sivaldo. Segundo Camelo e Albino, a Locar abocanha um milhão de reais por mês com a limpeza urbana de Garanhuns. 

Centrado, o candidato do PDT, Valter Couto, discorreu com desenvoltura pelos diversos temas apresentados. Lamentou a ausência de Izaías e criticou o tratamento que, segundo ele, o gestor tem dado à educação, em especial aos professores. Afirmou que não é político, nunca disputou cargo público, mas apresentou seu nome à população por amar Garanhuns e sentir necessidade de servir à comunidade. Nas considerações finais pediu o voto do eleitor no próximo dia 02 de outubro. 

Apesar de proveitoso, o debate deixou de abordar temas importantes como o passe livre e a discussão sobre o emprego ostensivo ou não da Guarda Municipal. A questão da guarda até foi mencionada, mas de maneira muito superficial. 

A ausência de Izaias Régis em mais um debate gerou uma discussão acalorada nas redes sociais. Muita gente criticou o fato de o prefeito não comparecer ao encontro para discutir as propostas para Garanhuns. Por outro lado, os apoiadores de Régis acham que ele fez bem em não ir pois seria bombardeado por seus adversários.

 PESQUISA
 Em pesquisa divulgada ontem, Izaías Régis aparece liderando com folga a disputa pela Prefeitura de Garanhuns.  Régis aparece com 69,5% das intenções de voto, vantagem de 58 pontos para o segundo colocado, o vereador do PPS, Sivaldo Albino, que tem 11,3%, segundo pesquisa do Instituto Opinião. A candidata Claudomira Morais (DEM) surge com 3% e Paulo Camelo (PCB) tem 2%, à frente de Valter Couto (PDT), com somente 0,5%. Brancos e nulos registram 3,3% e os indecisos são 10,4%.  A eleição em Garanhuns acontece no próximo domingo, 02 de outubro.



Um comentário:

  1. Apesar de considerar o governo de izaias como sendo regular à bom (lembrando que comparado à luiz carlos até sindico de condomínio governa melhor), meu voto vai ser pra Sivaldo e professor tevano. Ambos são pessoas que sugerem uma boa oposição. Aguerridos e destemidos. Acredito que o mandato eleitoral devia ser único. Assim o eleito faria o máximo (ou o minimo) que pudesse dentro de seu único mandato.

    ResponderExcluir

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger