sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Ivan Rodrigues comenta sobre preservação de prédios históricos em Garanhuns

ARTIGO ESCRITO POR IVAN RODRIGUES

A propósito de um bom debate levantado no Facebook, sobre a demolição do “castelinho” de Dr. Rubem, dirigi um comentário aos amigos Antônio Ricardo e Wanderley, ajudando com minha memória a esclarecer algumas dúvidas e, ao mesmo tempo, suscitar uma questão fundamental para o resgate da História de Garanhuns:

“Vocês estão certos quanto as observações sobre a natureza e reconhecimento da importância de certos prédios e logradouros, tidos como históricos e marcantes. Faz-se necessário um processo legal para esse reconhecimento.

Quanto ao "antigo Forum" da Dantas Barreto, ele ainda está lá e não tem nada de histórico. Vocês, na verdade, estão falando do prédio que abrigou as Mercedárias por algum tempo, depois o Colégio Meridional e hoje é um estacionamento. No meu tempo de menino - e bote tempo nisso - abrigou o Hotel Mota e lembrem que sou um aldeão da Rua Dantas Barreto onde me criei.

Lamentável, mas existe um péssimo costume em nossa terra de assistir os malfeitos sem reclamar e, somente muito tempo depois, é que vem o lamento e a constatação da desgraça ocorrida. Porque esperar que as coisas aconteçam e depois, tardiamente, ficar buscando culpados ?

Somos todos responsáveis, queridos amigos, por conta de nossa passividade. A sabedoria popular diz que quando os bons se afastam pelo desencanto, os maus tomam conta de tudo pela perversidade.Porque não acender uma vela ao invés de reclamar da escuridão e somente fechar a porta depois da casa arrombada ?

Porque, ao invés da cômoda omissão, não assumir uma ação propositiva e concreta para, previamente, estabelecer critérios e pressupostos destinados à uma segura salvaguarda de imóveis a serem protegidos ? Já que o Poder Público não assume a proteção dos nossos monumentos, porque não exercitamos melhor a nossa cidadania, mediante a iniciativa de um movimento no sentido de promover um LEVANTAMENTO SÉRIO E FUNDAMENTADO de todos os prédios e áreas que, por sua importância na vida da cidade, exigiriam ser preservados ?

Mesmo sem consulta, duvido que não contássemos para isso com o apoio do Instituto Histórico de Garanhuns (aí companheiros!), da Seção local da OAB, da Academia de Letras, dos centenários Colégios de Garanhuns, das Lojas Maçônicas, dos Clubes de Serviços, dos Blogs de todas as tendências – com especial menção aos arquivos do amigo Anchieta Gueiros, e o Grupo “Fatos e Fotos Antigas” lideradas por Corina Valença; além de todos os cidadãos, enfim, com  as contribuições de seus registros familiares.Vamos fazer a nossa parte, para depois reclamar! Estou (meio) velho e cansado, mas pronto para a luta. Não é uma boa ideia e uma boa briga, valendo a pena encarar ?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger