segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Umidade relativa do ar em Garanhuns marca índice de apenas 24% e cidade é classificada pela APAC como em Estado de Atenção.


A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu, nesta segunda-feira (30), um alerta sobre a baixa umidade do ar no Sertão e no Agreste de Pernambuco e inseriu Garanhuns nesse universo delicado. De acordo com o JC Online,  no domingo, 29/11, a umidade relativa do ar na Cidade das Flores chegou a 24%, índice classificado como estado de atenção pela Organização Mundial de Saúde. Abaixo de 20%, o estado muda para Alerta. A umidade ideal, de acordo com a OMS varia entre 40% e 70%, de acordo com a escala do órgão. 

Ainda de acordo com a APAC, uma massa de ar seco está inibindo a formação de nuvens e provocando o aumento das temperaturas, com valores muito baixos de umidade relativa do ar nas regiões Agreste e Sertão do Estado. A previsão é válida até a quinta-feira (3). No Sertão, a situação é mais delicada. Lá, foram registrados, também neste domingo, os menores valores de umidade relativa do ar. Em Ibimirim, por exemplo o índice chegou a (11%), Serra Talhada (11%), Ouricuri (12%), Floresta (12%), Cabrobó (15%), Arcoverde (15%), Araripina (16%) e Petrolina (18%).

Garanhuns tem apresentado temperaturas abrasivas em novembro. A maior até agora, segundo dados da APAC, foi de 34,4 graus registrada dia 26, mas os termômetros municipais espalhados pela cidade registram temperaturas diferentes, algumas acima do aferido oficialmente pela APAC.  Neste mesmo dia, a umidade relativa do ar na cidade chegou a apenas 22%.

Confira os cuidados a serem tomados: 

Entre 20 e 30% – Estado de Atenção

-Evitar exercícios físicos ao ar livre entre 11h e 15h

-Umidificar o ambiente através de vaporizadores, toalhas molhadas, recipientes com água e molhamento de jardins

-Sempre que possível permanecer em locais protegidos do sol

-Consumir muita água

JC Online, com acréscimo de informações do V&C

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger