quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Greve dos servidores do INSS em PE chega a 26 dias e afeta 63 agências

Segundo Sindsprev-PE, 30% da categoria está
trabalhando para manter serviços essenciais
(Foto: Cacyone Gomes / TV Glob

A greve dos servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em Pernambuco chegou ao 26º dia nesta terça-feira (4). Segundo o Sindicato dos Trabalhadores Públicos Federais em Saúde e Previdência Social no Estado de Pernambuco (Sindsprev-PE),  63 das 65 agências do estado foram afetadas pela paralisação das atividades e, diariamente, cerca de 10.500 pessoas deixam de ser atendidas em todo o estado. O G1 procurou a superintendência local do INSS, mas não conseguiu contato.

O coordenador geral do Sindsprev-PE, José Bonifácio, afirma que 30% da categoria continua trabalhando, como determina a lei, para manter os serviços essenciais, principalmente, a realização de perícias médicas. A orientação dos grevistas é que só compareçam às agências quem tiver atendimento agendado (o que é feito através do telefone 135). "Em todo o estado, cerca de 15 mil pessoas são atendidas diariamente. Com a greve, só 4.500 estão sendo atendidas", disse.

Ainda conforme o sindicato, o estado conta com 1,6 mil servidores. A média de atendimentos diários varia de acordo com o tamanho da cidade e das agências, indo de 50 a 200, por unidade. A maior parte dos atendimentos ocorre na Região Metropolitana do Recife, onde são atendidas cerca de 180 pessoas por dia, em cada agência.

Reivindicações
A categoria pede índice de reajuste salarial linear de 27,3% já no próximo ano. Eles explicam que a inflação deste ano já chega a 8,5% e a correção de 2016 seria apenas 5,5%. Além disso, eles dizem que já estão com uma perda salarial de 27,3%. Segundo o Sindsprev, o Ministério do Planejamento propôs um reajuste de 21,3%, dividido em quatro anos: 5,5% em 2016; 5% em 2017; 4,75% em 2018 e 4,5% em 2019.

Entre as reinvidicações estão ainda melhores condições de tarbalho, concurso público e carga horária fixa de 30 horas semanais. "Avançamos em alguns pontos, mas falta o índice de reajuste e as 30 horas de trabalho. Estamos aguardando uma nova negociação nacional para ver se avançamos nessa pauta", explicou José Bonifácio.

Em reunião na tarde desta terça (4), o Sindisprev-PE marcou um ato simbólico para a próxima quinta-feira (8). A categoria pretende fazer uma passeata com uma marcha fúnebre, com todos os servidores vestidos de preto e carregando cruzes. A concentração está prevista para as 8h, em frente à Gerência Executiva Recife, na Avenida Mário Melo, Santo Amaro, área central da capital

Do G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger