sexta-feira, 3 de abril de 2015

Mulher de 32 anos é morta por 18 facadas desferidas por ex-companheiro em bairro de Garanhuns


Um elemento armado de faca-peixeira invadiu a casa da ex-companheira e assassinou a mesma com cerca de 18 facadas que atingiram várias partes do seu corpo. O crime ocorreu por volta das 6h da manhã desta sexta-feira santa, na Rua Pedro Cavalcante, bairro do Jardim Petrópolis em Garanhuns.
Vítima fatal
De acordo com a Polícia Civil, Joseilda Marques da Silva, de 32 anos, estava em sua residência, que fica nos fundo de outra casa, quando foi surpreendida com a chegada do criminoso. Ainda segundo a Polícia, o suspeito, identificado como Adriano Ferreira de Andrade, de 36 anos, chegou em uma moto que ficou estacionada a alguns metros da residência. Momentos depois,  uma moradora saiu da residência e deixou um portão aberto. Foi a oportunidade ideal para  o suspeito executar seu plano diabólico. Ele  adentrou à casa passando por um beco ao lado e cometeu a atrocidade, fugindo em seguida.  Ele já tinha sido denunciado por crime previsto na Lei Maria da Penha, tendo a Justiça decretado uma medida protetiva à vitima, entretanto, isso não foi suficiente para que o homicida deixasse sua ex-companheira em paz e ela acabou pagando um preço muito alto. Sua própria vida.

Casa que estava sendo construída pelo suspeito

 Revoltados com o crime, populares atearam fogo em uma residência que estava sendo construída pelo suspeito e que fica na mesma rua onde ocorreu o assassinato. Segundo moradores da localidade, Joseilda Marques, conhecida também como Margarida, era bastante querida e amada por todos daquela área, o que teria deixado os populares bastantes revoltados com a crueldade como o crime aconteceu.
   

As informações e fotos são do parceiro e competente site Policial Agreste Violento http://agresteviolento.com.br/



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger