FAGNER, MARINA ELALI, ALCYMAR MONTEIRO, DORGIVAL DANTAS E MUITO MAIS; CLIQUE NO BANNER E CONFIRA TODA A PROGRAMAÇÃO

Distribuidora Hyundai para Garanhuns e Região da linha HB20 e CRETA

Distribuidora Hyundai para Garanhuns e Região da linha HB20 e CRETA
Distribuidora Hyundai para Garanhuns e Região da linha HB20 e CRETA

sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

Condepe/Fidem divulga dados sobre o PIB dos municípios; confira dados de Garanhuns e do Agreste Meridional


A Agência  Estadual de Planejamento e Pesquisas de Pernambuco - Condepe/Fidem divulgou no site da entidade o boletim informativo que contém os resultados do Produto Interno Bruto (PIB) dos municípios do Estado em 2015.  Segundo o documento, a RD (Região de Desenvolvimento) Metropolitana permanece registrando maior peso na economia estadual, com 61%, o que significa 39% para o conjunto dos municipios do interior. Já no interior o ranking é: Caruaru 6,1%, Petrolina com 5,5% e Goiana, 3,0%. Os dados podem ser consultados no link: www.condepefidem.pe.gov.br/web/condepe-fidem/municipal;jsessionid=760245087F2CCEB0834C47F462B2024B.jvm3i1.

Agreste Meridional 
Totalizando um PIB de R$ 6,0 bilhões, equivalente a 3,8% do PIB pernambucano e a 24,2% do PIB da região agrestina, nesta RD destaca-se como polo econômico o Município de Garanhuns, que gera 33,0% do seu PIB. 



AGRESTE MERIDIONAL

 No ranking geral, a capital Recife continua despontando na primeira colocação e responde por 50,2% do PIB metropolitano, com R$ 48,0 bilhões de PIB. Seguem-se as cidades de Jaboatão dos Guararapes (13,2%),  Ipojuca (8,0%), Cabo de Santo Agostinho (com 7,9%). Caruaru (no Agreste) vem em quinto lugar(6,1%); Petrolina, no Sertão do São Francisco, na sexta colocação (5,5%); Olinda desponta em sétimo (5,2%); Paulista (3,95); Goiana e Vitória de Santo Antão (3%). No Interior destacam-se ainda Garanhuns (1,9%), Santa Cruz do Capibaribe e Serra Talhada (ambos com 1,2%) e Carpina (1,15%).

A economia do Interior perfaz um PIB de R$ 61,3 bilhões equivalentes a 39,0% da economia estadual. O Agreste como um todo responde por 40,5%, a Mata por 30,3% e o Sertão, pelos demais 29,3% do PIB interiorano.

 Metodologia - O PIB dos municípios, a exemplo do estadual, incorpora a mudança de base (Ano Referência 2010), promovida pelo IBGE em conjunto com os órgãos estaduais de estatística integrantes do Sistema de Contas Regionais, que em Pernambuco está sob a atribuição da Agência Condepe/Fidem. O cálculo do PIB dos municípios baseia-se na distribuição, pelos municípios, do Valor Adicionado Bruto - VAB das atividades econômicas, apurados na com composição do PIB estadual.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...