CLIQUE NO BANNER E CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO NATAL DE GARANHUNS

Mande seu currículo

Mande seu currículo
SELEÇÃO EM GARANHUNS E REGIÃO. MANDE SEU CURRÍCULO

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

COBRAM DA PREFEITURA UMA REFORMA NO LOCAL: Comerciantes reclamam de falta de segurança e de estrutura nos boxes do Pop Shop em Garanhuns


Inaugurado há 18 anos, o popular Pop Shop foi uma obra importante que deu uma identidade própria aos camelôs e pequenos comerciantes de Garanhuns. Antes, esses microempreendedores vendiam seus produtos no Espaço Colunata, de maneira desorganizada  e precária. Com a criação do Pop Shop, houve uma padronização dos camelôs e as coisas melhoraram, mas, quase 20 anos após ser construída, a estrutura física do tradicional centro de vendas começa a dar sinais de deterioração e os problemas ocasionados pela ação do tempo têm sido cada vez mais perceptíveis. 


Preocupados com a manutenção de seus negócios e principalmente com o conforto, segurança bem estar das centenas de clientes que passam pelo espaço todos os dias, os comerciantes querem que a Prefeitura de Garanhuns faça uma reforma completa nos boxes. Os problemas são muitos, desde a coberta original, que não existe mais, passando por gambiarras na parte elétrica e sucateamento de toda estrutura metálica dos pontos.  

A falta de segurança também é outra fonte de reclamação.  "Já houve vários furtos, assaltos e arrombamentos aqui", frisou um comerciante em entrevista à repórter Yolanda Oliver, que produziu uma excelente reportagem sobre o assunto para o Jornal da Sete. 

Outra reivindicação é a instalação de um banheiro no local. "Não tem banheiro aqui. Temos que ir no mercado 18 de agosto. Na realidade vivemos da misericórdia de Deus. Quando chove aqui molha tudo e no verão o calor é de matar. Isso porque a cobertura não presta e o boxe não tem ventilação. Quem tem dinheiro ainda tira do bolso e faz algum conserto, quem não tem vai levando como Deus quer, vendo os clientes desaparecerem", revelou um técnico em conserto de celular, que tem ponto no local. 

Ainda de acordo com a reportagem da Rádio Sete Colinas, uma taxa de 120 reais por mês é paga à prefeitura. Um dos entrevistados afirmou que o projeto que deu origem ao Pop Shop já nasceu mal elaborado. "O box é pequeno, sem ventilação. Quando chove aqui alaga tudo", revelou.  

O V&C está à disposição do Governo Municipal de Garanhuns para prestar os esclarecimentos que se fizerem necessários sobre as informações contidas nesta publicação.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...