CLIQUE NO BANNER E CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO NATAL DE GARANHUNS

Mande seu currículo

Mande seu currículo
SELEÇÃO EM GARANHUNS E REGIÃO. MANDE SEU CURRÍCULO

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Ex-candidato a vereador de Garanhuns critica demora de inauguração da UPA 24 horas e quer saber onde foi parar saldo de recursos federais empregados na obra


Garanhuns aguarda ansiosa pelo dia em que a UPA entrará em funcionamento.  A unidade de pronto atendimento, segundo prestação de contas da Prefeitura de Garanhuns, estava com 95% das obras prontas em fevereiro e tinha previsão de ser inaugurada no mês de junho, o que não ocorreu.  A questão não é simples. O prefeito Izaias tem reclamado que o Governo Federal não tem se empenhado como deveria para colocar a UPA em funcionamento e diz que, sozinho, o município não tem como arcar com as despesas da unidade, que passariam de um milhão de reais por mês. O gestor chegou a sugerir um funcionamento de apenas oito horas por dia, o que desvirtuaria a própria concepção da UPA que, como o próprio nome já diz, foi idealizada para ser aberta 24 horas desafogando assim os hospitais públicos. O gargalo das UPAS não é exclusividade de Garanhuns. De acordo com levantamento, cerca de 500 UPAS estão prontas ou semi-prontas no país, mas estão sem funcionar por conta de falta de dinheiro para a sua manutenção. Enquanto o impasse não é resolvido, a população de Garanhuns deixa de ter acesso a essa importante estrutura.
Previsão era que a UPA fosse inaugurada em junho de 2017

Nesse cenário de incerteza, o ex-candidato a vereador Johny Albino enviou à imprensa local outro questionamento, esse sobre a utilização dos recursos federais geridos pelo município para construção da UPA. O irmão de Sivaldo cobra do Governo Municipal pressa na inauguração da estrutura, que havia sido prometida para o mês passado. Ele também fez um levantamento dos recursos federais gastos na obra e  afirma que a contabilidade dos números, no que tange ao dinheiro liberado pela União e o usado pelo município, não bate.

"O Governo Federal repassou em agosto de 2014, o valor de R$ 2.480,000,00 ( dois milhões quatrocentos e oitenta mil reais) para a construção de uma Unidade de Pronto Atendimento  - UPA24hs. Diante disso, a Prefeitura de Garanhuns realizou Processo Licitatório nº01/2014 vencido pela Empresa Fernandes Arquitetura no valor de R$ 1.940.702,91 (hum milhão novecentos e quarenta mil setecentos e dois reais e noventa e um centavos). Levando em conta esses dados,  é notório saber que existem um saldo de R$ 539.297,09 (quinhentos e trinta e nove mil duzentos e noventa e sete reais e nove centavos)," escreveu Johny em nota à imprensa
Izaías em visita ao canteiro de obras da UPA no  início da construção

Ainda segundo Albino, que participou da prestação da saúde municipal do último quadrimestre de 2016, apresentadas na Câmara de Vereadores,  a resposta da Secretaria de Saúde foi de  que esse saldo dos recursos teria sido gasto na compra de equipamentos. "Questionei quais teriam sido os equipamentos, o pessoal então me informou que um deles seria um Raio X que estaria instalado no Hospital Infantil, então voltei a questionar se os pacientes encaminhados ao Hospital pela Prefeitura para fazer esse tipo exame, se a Prefeitura pagava por este exame, mesmo o aparelho sendo do Município, então recebi a resposta que sim, fiquei sem compreender !!! Como a Prefeitura tem o aparelho e na necessidade de realizar um exame para seus munícipes ela paga pelo exame? , indagou "

Johny ainda  argumenta em sua nota à imprensa que  é sabido que um aparelho de Raio X não custa o valor desse saldo  e que portanto é necessário que a Prefeitura de Garanhuns, através da Secretaria de Saúde, informe como foram gasto esses 539.297,07 e também porque  a obra não foi entregue agora em junho. "Espero que essas dúvidas sejam esclarecidas, para que seja realizada uma melhor qualidade de atendimento de saúde para nossa população," finalizou.
Johny Albino

Em nota de esclarecimento, a Prefeitura de Garanhuns disse que, de acordo com a Secretaria de Finanças do município, o saldo restante da Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 horas) está depositado na conta 624058-8 da Caixa Econômica Federal. 

A prefeitura ainda frisou que o saldo ainda é maior de que o mencionado por Johny . "O saldo aferido em 12/07/2017 é de R$ 867.559,35. Mais uma vez o Governo Municipal reforça o cuidado, compromisso e austeridade que trabalha na administração dos recursos públicos, e lamenta que pessoas com interesses meramente políticos, vivam de criar inverdades buscando manipular a população de Garanhuns",diz a nota. Não obtivemos informações da prefeitura quanto a data em que a UPA 24h, ou 8h, como quer inicialmente Izaías, será inaugurada.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...