CLIQUE NO BANNER E SEJA REDIRECIONADO PARA O SITE DA PREFEITURA

terça-feira, 25 de julho de 2017

Com programação bombardeada por críticas e público questionado, FIG 2017 abre hoje palcos Pop, Instrumental e do Forró tentando escapar do fiasco

Banda Cantoria Agreste se apresentou para um público
 pequeno na noite desta segunda no palco principal

Com o início da programação nos palcos Pop, do Forró e Instrumental, a partir desta terça, 25 de junho, o 27º FIG deve se tornar mais atrativo. Bombardeado por críticas de garanhuenses e turistas pela grade de programação aquém das expectativas, a abertura desses três palcos promete dá um novo fôlego ao evento que este ano só tem acumulado reclamações até aqui, no que se refere às atrações escaladas para se apresentarem no palco principal. 

Pelas redes sociais a insatisfação é generalizada e a população questiona até  o público divulgado pela PM. No domingo, 23, noite de Zeca Pagodinho, a PM afirmou que haviam 40 mil pessoas na Praça Mestre Dominguinhos, mas ninguém acreditou. 

"Vamos melhorar essas atrações porque esse ano foi ruim demais, o pior festival de inverno.   Estive presente na noite de Zeca Pagodinho e tinha era pouca gente no meio do show. Consegui sair do meio da multidão tranquilamente", disse um leitor. "Festival de inverno do jeito que tá vai terminar acabando", desabafou outro. "40 mil pessoas?  Vamos falar entre 2 a 3 mil pessoas porque eu estava lá e a vista do camarote não deixa mentir. 40 mil pessoas só ser for no próximo ano, se a programação melhorar, porque esse ano foi uma negação", escreveu outro internauta. 

A segunda-feira, 24 de julho, teve um dos menores públicos de um Festival de Inverno. A praça estava praticamente vazia. As fotos correram as redes sociais e as críticas à Fundarpe e ao Governo do Estado recrudesceram. "Foi de dá dó. Nunca vi a praça vazia daquele jeito. Eu como garanhuense fico triste porque o festival é nosso melhor produto de exportação", comentou um internauta pela rede social, se referindo às apresentações de ontem à noite no palco principal. "Que pena! Saí de Aracaju durante 6 anos seguidos p/curtir o FIG, e voltava pra casa apaixonada e já fazendo planos p/o ano seguinte. Hospedava-me no extinto e querido Hotel Garoa, que saudade. Há 3 anos ñ voltei mais, a programação demorava demais pra sair e qdo saía, ñ me dava prazer nenhum. Vou ficar aguardando dias melhores pra retornar. Bom festival pra tds, escreveu" uma mulher residente em Sergipe.

" Não se justifica certas atrações para o principal palco, a Praça Mestre Dominguinhos. De todas as edições do FIG, eu só não estive na primeira...nas demais, sempre marquei presença. E não me recordo de uma noite de sábado com uma praça tão esvaziada, alfinetou", o jornalista Marco Aurélio Melo no seu perfil no Facebook.

Apesar das críticas da população, a ocupação na rede hoteleira de Garanhuns para esse festival alcançou a casa dos 80%, segundo dados da prefeitura.  Diversas excursões partindo de várias cidades do Nordeste devem chegar à cidade a partir de quinta-feira, o que deve aquecer o setor. São os turistas que este ano parecem terem vindo ao festival de inverno motivados por outro tipo de atração, que não às da Praça Principal. "O frio e o clima ameno". 


CONFIRA A PROGRAMAÇÃO PARA HOJE NOS PALCOS POP, DO FORRÓ, E INSTRUMENTAL
PALCO POP
Terça-feira, 25/7
17h – Banda Gold Hits
18h – Barro 
19h – Zé da Flauta e Banda Psicoativo
20h20 – Curumim (SP)

PALCO INSTRUMENTAL (PAU POMBO)
Terça, 25
17h – Marcos Cabral
18h – Banda Tercina
19h – Dom Angelo
20h – Amaro Freitas


PALCO DO FORRÓ (Parque Euclides Dourado)

Terça
22h – Nando Azevedo
23h – Banda Segnos
0h – Assisão

PROGRAMAÇÃO NO PALCO PRINCIPAL
Terça-feira, 25/7

Palco Mestre Dominguinhos
21h – Lucas Santana (BA)
22h – Banda Eddie, com participação da Orquestra Henrique Dias
0h30 – Baiana System (BA)

PARA VER A PROGRAMAÇÃO COMPLETA CLIQUE AQUI


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...