segunda-feira, 10 de abril de 2017

Cirurgias de catarata são oferecidas à população até a próxima sexta-feira (14/04) em Garanhuns


O Governo Municipal de Garanhuns, por meio da Secretaria de Saúde, em parceria com a Fundação Altino Ventura (FAV), promoveu nesta segunda-feira (10), a realização de diversas cirurgias de catarata para a população da cidade. A iniciativa, que segue até a próxima sexta-feira (14), dá continuidade a um projeto desenvolvido em novembro do ano passado, quando foram triadas mais de 500 pessoas com idade acima de 50 anos. Os procedimentos acontecem na Unidade Móvel de Cirurgia Ocular da Fundação Altino Ventura, que está localizada em frente a Unidade de Saúde da Família (USF) Heliópolis I.

A expectativa é de que aproximadamente 200 pessoas sejam atendidas por profissionais responsáveis que preparam os pacientes, verificando os seus sinais vitais, e realizando etapas do exame clínico como anamnese, dioptria e microscopia. No dia de hoje, estavam previstas 38 cirurgias, onde 25 pacientes compareceram até a unidade. “Achei o atendimento ótimo, fiz todos os exames e a enfermeira do posto onde sou atendida, lá Indiano II, perguntou se eu estava interessada em fazer parte desse grupo e realizar a cirurgia”, declarou Maria de Aquino, de 77 anos de idade, e que foi beneficiada pelo processo cirúrgico no olho direito.

Após a etapa, os pacientes devem retornar a unidade para que seja acompanhado o primeiro dia pós-operatório, onde é feita a revisão e o ultrassom ocular; excepcionalmente os pacientes da sexta-feira (14) serão atendidos no próximo sábado (15). “Iniciamos o processo por meio da triagem realizada nos meses anteriores, com o objetivo de identificar este índice de pacientes que necessitam da cirurgia de catarata”, finalizou o articulador de projeto social da FAV, Ulisses Alencar.

O secretário municipal de Saúde, Alfredo de Gois, explica que esta é uma ação essencial devido às necessidades oftalmológicas da população que foram identificadas previamente. “Além da triagem, tínhamos uma demanda de pacientes que aguardava este tipo de cirurgia em nossa regulação. Por meio dos agentes comunitários de saúde rastreamos estas pessoas e realizamos todos os exames que antecedem o processo cirúrgico, possibilitando a ação que segue até o fim desta semana”, finalizou o titular da pasta.

Fotos   e fonte: Aquilles Soares – (Secom/PMG)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger