quarta-feira, 26 de outubro de 2016

EFEITO CAIXA PRETA: Ministério Público abre mais dois inquéritos para investigar supostas irregularidades na Câmara Municipal de Garanhuns


Em fevereiro deste ano, o vereador Alcindo Correia, reeleito no dia 02 de outubro, reuniu a imprensa local para tornar público várias denúncias contra o atual presidente da Câmara Municipal de Garanhuns, Gersinho Filho. Segundo o próprio Alcindo, a entrevista significava o cumprimento de uma promessa que ele mesmo intitulou de abertura da Caixa Preta. Na ocasião, o ponto principal levantado pelo edil denunciante dizia respeito a supostas irregularidades na reforma da Casa Raimundo de Moraes. RELEMBRE.
Paulo Leal

Oito meses depois, a Caixa Preta não só continua tendo desdobramentos com resultados ainda imprevisíveis, como ganhou o reforço de outro vereador. É que semana passada a 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania de Garanhuns, que já investiga as supostas irregularidades na polêmica reforma sem prazo para conclusão do parecer, converteu em inquérito mais duas denúncias envolvendo o legislativo garanhuense. A primeira partiu do próprio Alcindo, o homem da Caixa Preta. A segunda foi protocolada por seu colega de mandato, o vereador Paulo Leal. 

De acordo com o publicado no Diário Oficial, a nova denúncia do vereador Alcindo Correia, convertida de procedimento preparatório em inquérito, visa apurar suposta improbidade administrativa do atual Presidente da Câmara Municipal de Garanhuns, Gerson José Carvalho de Souza Filho, e de outros vereadores, consistente no suposto uso abusivo de veículos locados pela Câmara de Vereadores, com dano ao erário. O promotor Domingos Sávio, que assina a portaria de instauração, também determinou diligências no portal da transparência da Câmara Municipal, com o objetivo de obter cópia  dos contratos de locação de automóveis e dos registros disponíveis sobre o uso de tais veículos durante a atual gestão da presidência da Casa. Sávio requisitou ainda à Presidência da Câmara as informações complementares necessárias.
Alcindo Correia

Com relação a Paulo Leal, e também de acordo com o publicado no Diário Oficial, o inquérito foi aberto a partir do termo de declarações do vereador, que prestou depoimento na 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania de Garanhuns, noticiando supostos excessos no contrato de fornecimento de combustível na Câmara Municipal. Em ofício enviado ao legislativo, o promotor solicitou cópia do processo licitatório, do contrato e comprovantes de despesas pertinentes, requisitando-se à Presidência da Casa as informações complementares no prazo de trinta dias, inclusive a relação dos automóveis que são abastecidos com combustível custeado pela Câmara, bem como os comprovantes de consumo e pagamento do combustível utilizado na gestão atual.  O blog V&C tentou acesso ao conteúdo das denúncias através do link fornecido nas portarias do MPPE, mas não obteve êxito. Também não conseguimos contato com o Ministério Público, até o encerramento desta publicação.
Gersinho Filho


SERVIDORA DA CASA COBRA RECEBIMENTO DE FÉRIAS

Enquanto o V&C colhia informações para publicar a notícia dos inquéritos do MPPE, uma outra reclamação envolvendo a Casa Raimundo de Moraes chegou a nós via e-mail. O desabafo é de uma servidora da Câmara Municipal que se identificou como Maria José. Segundo ela, os servidores do legislativo estão há mais de três anos sem receber as férias. Ainda de acordo com a funcionária, o antigo presidente Audálio deixou de pagar um ano e o presidente atual, que é o vereador Gersinho Filho, não paga as férias há quase dois anos, CONFIRA O E-MAIL NA ÍNTEGRA, ABAIXO


Olá meu nome é Maria José, Sou funcionária da Câmara Municipal de Garanhuns e estamos a mais de 3 anos sem receber nossas férias, o antigo Presidente da Câmara que era o Ver. Aldálio que teve suas contas rejeitadas, deixou de pagar 1 ano e agora o Presidente atual que é o Ver. Gersinho Filho não paga nossas Férias a quase 2 anos, totalizando 3 anos de atraso, já vamos terminar o ano e até agora não foram pagas as férias e já estou sabendo que não vão pagar porque dizem que não tem dinheiro... E aonde esta o dinheiro desses 3 anos de atraso? Infelizmente não podemos fazer nada.. Porque se alguém falar algo por aqui e capaz de ser Demitido pelo Pai do Presidente que é o Capataz da câmara, Estamos vivendo aqui em uma ditadura o Pai do Presidente xinga a maioria dos funcionários da insti tuição e vive ameaçando quem é contra ele. Por isso peço a ajuda da mídia para divulgar essa carta. Alguns funcionários já pediram demissão até pessoas que passaram no concurso já pediram pra sair, pois não aguentam mais.  Peço encarecidamente que divulguem, e nem adiantar falar com os Vereadores atuais, pois é a mesma coisa de nada. Obrigado!

Att. Maria José

O blog V&C fez contato com o Presidente da Câmara, Gersinho Filho, solicitando uma nota de esclarecimento sobre os três casos objetos desta matéria, mas, até o fechamento da publicação, não havíamos recebido tal documento. Não conseguimos contato com Paulo Leal e Alcindo Correia. 
Trecho da portaria que originou inquérito no MPPE

Trecho da portaria que originou inquérito no MPPE



PARA CONFERIR A ÍNTEGRA DOS DOIS DOCUMENTOS CLIQUE AQUI

2 comentários:

  1. Por que o prefeito permite que o pai do atual presidente da câmara haja dessa maneira?

    ResponderExcluir
  2. É revoltante a população de Garanhuns ter reelegido essa cambada e ainda ter trazido de volta vereadores que nunca fizeram algo de útil para a população...

    ResponderExcluir

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger