terça-feira, 13 de setembro de 2016

Festival de Jazz, Revitalização da Santo Antônio, Saúde, Segurança: confira a entrevista de Izaías Régis à TV Jornal Interior


Dando prosseguimento à série de entrevistas com os prefeituráveis de Garanhuns, a TV Jornal Interior levou aos seus estúdios, em Caruaru, nesta terça-feira, 13 de setembro, o atual prefeito de Garanhuns Izaias Régis. Ele foi sabatinado pelo jornalista Eliaquim Oliveira dentro do programa TV Jornal Meio-Dia. O candidato teve 10 minutos para expor seus projetos e propostas para a cidade, tal como fez Sivaldo Albino no dia de ontem, e como farão Claudomira Andrade, Paulo Camelo e Valter Couto até o final desta semana. Confira abaixo uma transcrição dos principais pontos abordados por Izaías Régis. 

FECHAMENTO DO HOSPITAL MUNICIPAL
A entrevista começou com Eliaquim Oliveira perguntando a Régis o motivo do fechamento do Hospital Municipal, no início de sua gestão. O ato é rotineiramente questionado pela oposição e foi criticado por Sivaldo Albino durante sua inserção no dia de ontem. 

Firme na resposta, Izaías Régis disse o que já afirmara em diversas entrevistas aos órgãos de imprensa de Garanhuns. Para ele, o Hospital Municipal tinha um custo altíssimo para a quantidade de atendimentos que realizava. "Em dezembro de 2012, (logo após ser eleito), fui visitar o Hospital Municipal, ou melhor, casa de parto, porque sequer poderíamos chamar a unidade de hospital. Chegando lá, vi que no referido mês só tinha havido um parto, mas o custo mensal da casa de saúde era de 330 mil reais. Eu, na minha visão de empresário, percebi que o melhor seria fechar porque não era viável manter a um custo tão alto. Após isso, fechamos uma parceria com o Hospital Infantil Palmira Sales e não vejo, até o momento, ninguém reclamar," disse o atual prefeito. Ainda na seara da Saúde, Izaías negou que os PSFs estejam com falta de médicos. Atribuiu as deficiências pontuais a um problema nacional de falta de médicos. "Nós estamos trabalhando na Saúde. Você falou falta  de medicamentos. Estão faltando médicos na Farmácia do Estado, mas só o município é que paga o pato. Não é justo. Uma de nossas ideia é contratar mais médicos e criar um centro de imagens para atender a demanda da população," reforçou.


SEGURANÇA
O papel funcional da Guarda Municipal de Garanhuns voltou a pauta nesta terça na sabatina de Régis, tal como havia sido abordado ontem por ocasião da entrevista de Sivaldo RELEMBRE. Izaías revelou que criou uma lei que visa permitir o uso de armas de fogo por parte dos guardas municipais, mas enfatizou que vai intensificar o treinamento para evitar acidentes. Ele ainda comentou que vai instalar 24 câmaras de alto alcance para fazer o monitoramento da cidade, em uma parceria com o 9º BPM. 

CRECHES
Com relação a polêmica da carência de creches em Garanhuns, Régis disse que o Governo Federal mudou a sistemática de repasse de recurso. "Eu já peguei as creches licitadas do governo passado. A empresa vencedora correu da obra e tivemos que fazer uma licitação, mas todas as creches que estão em obras serão entregues", disse.


REVITALIZAÇÃO DA SANTO ANTÔNIO E PAVIMENTAÇÃO DA PERIFERIA
Questionado por Eliaquim sobre o projeto de revitalização da Avenida Santo Antônio, o prefeito justificou o atraso no início das obras afirmando que estabeleceu como prioridade as periferias mais carentes. "Nós vamos sim revitalizar a Santo Antônio. Mas primeiro tínhamos que olhar para periferia. Pavimentamos 480 ruas, fomos a primeira cidade do Nordeste a instalar lâmpadas led.  Nossa gestão fiscal é uma das melhores do país. Garanhuns é bem administrava e vai continuar sendo,", comentou. Ao falar sobre a mobilidade urbana, Régis relembrou que sua gestão vem trabalhando nesta área com a criação de binários, abertura de avenidas, acessos, entre outras benfeitorias. Lembrou que ao assumir o Governo Municipal, pegou um caixa com 50 reais, e ao longo do mandato. aumentou a arrecadação própria do município em 200 por cento.

FIM DO FESTIVAL DE JAZZ 
Sobre cancelamento do Garanhuns Jazz Festival 2016, Izaías justificou que este se deu por conta da crise. "Olha, nós temos responsabilidade. Não iríamos fazer um festival e deixar de pagar a folha de funcionários. Já tínhamos feito o melhor Natal do Nordeste e temos responsabilidade com os funcionários municipais. Nunca atrasamos a folha. Criamos o Viva Dominguinhos e o melhor Natal do Nordeste", disse

CONSIDERAÇÕES FINAIS
Em seu minuto final, Izaías disse que vai continuar trabalhando por Garanhuns. Depois agradeceu ao povo da cidade pelos quase 90 por cento de aprovação aferidos em uma recente pesquisa de opinião. "Não faço promessa, faço compromisso," encerrou. VEJA VÍDEO ABAIXO


Um comentário:

  1. Gente e em relação a Educação! Sabemos que estão faltando professores e que a Educação de Gara huns está sendo sustentada por estagiários enquanto tem profissionais já formados e com especialização aprovados no último concurso e que pó ser convocados.

    ResponderExcluir

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger