quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Homem que matou e decapitou namorada em Angelim em 2015 vai a júri popular e é condenado a 28 anos de prisão

Renato

Um dos crimes mais monstruosos dos últimos anos no Agreste teve seu capítulo final ontem, 24 de agosto. No dia 19 de março de 2015, na cidade de Angelim, Renato Guilherme da Silva, 25 anos, decapitou sua namorada Patrícia Pereira da Silva, que tinha apenas 20 anos, após uma crise de ciúmes motivada por supostas mensagens no celular da vítima. Após o crime, ele fugiu, sendo capturado dias depois. Um ano e cinco meses após a barbárie, o acusado foi levado a juri popular e condenado a 28 anos de prisão em regime fechado. O veredito popular agradou a população de Angelim e deu um pouco mais de alívio e conforto à família de Patrícia. Pena que nossa legislação penal não permite que pessoas que cometem crimes horrendos e hediondos dessa natureza não cumpram a pena de maneira integral, sem direito à progressão.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger