segunda-feira, 4 de julho de 2016

UPAE Garanhuns inicia atendimento a bebês com Microcefalia‏‏‏‎


A história da pequena E.S.B, de apenas oito meses de vida, vem sendo escrita em capítulos de superação. Moradora na zona rural do município de Lagoa do Ouro, agreste pernambucano, precisava se deslocar nos primeiros dias de nascida, com sua mãe, para Recife e Caruaru, para depois de 45 dias ser diagnosticada com Microcefalia. Até que o Hospital Dom Moura, em Garanhuns, foi considerado pela Secretaria Estadual de Saúde como referência regional, e passou a oferecer consultas com Neuropediatra, entre outros profissionais da área de saúde.

Através da V GERES – Gerência Regional de Saúde – instituições se integraram para o atendimento aos recém-nascidos diagnosticados com microcefalia na região, e atualmente a menina E.S.B. chega à UPAE Garanhuns para sessões de Terapia Ocupacional e Fonoaudiologia. Segundo a terapeuta, Dra. Andressa Ferro, E.S.B. apresenta atrasos cognitivo e motor, mas a atividade semanal tem proporcionado avanços e bons momentos. E.S.B. é esperta, brinca, sorri e vem correspondendo aos estímulos da profissional. A menina está iniciando também as consultas fonoaudiólogas. Para este serviço, a UPAE Garanhuns designou a Dra. Anaírda Fernandes. A prefeitura de Lagoa do Ouro tem oferecido as sessões de fisioterapia.

Através da regulação regional, os pacientes com microcefalia são encaminhados para os especialistas em Oftalmologia e Otorrinolaringologia da UPAE Garanhuns, e por novo encaminhamento interno do médico da unidade, para Fisioterapia, Terapia Ocupacional, e Fonoaudiologia. Além de E.S.B., outra bebê também já está sendo acompanhada pela UPAE Garanhuns.

O Coordenador Geral da UPAE Garanhuns, Gustavo Amorim, afirma: "Estamos acompanhando de perto os procedimentos, e podemos garantir que nossa unidade não medirá esforços para dar melhor qualidade de vida a estes pacientes muito especiais".

E.S.B. gosta de passear, sorrir, brincar e já apareceu em reportagens de TV. Segundo sua mãe “Não para nunca, nem para dormir”, sempre mostrando que juntas podem superar as dificuldades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger