sexta-feira, 3 de junho de 2016

Construtor acusado de matar irmão e ajudante de pedreiro em Garanhuns se apresenta à polícia

Cerca de um mês e 20 dias após ter assassinado seu irmão, Roberto Gomes Cabral, o Beto, e o ajudante de pedreiro, Alexsandro Ferreira Gomes, o Alex, o construtor Rogério Gomes Cabral, o RÔ, de 36 anos, apresentou-se espontaneamente na 22ª Delegacia de Homicídios de Garanhuns. Roberto estava foragido desde o dia 14 de abril, data do duplo homicídio. Após ser ouvido pelo delegado titular titular da delegacia, ele foi encaminhado para a Cadeia Pública de Saloá, onde permanecerá à disposição da Justiça. A informação e do blog de Arlete Santos.

O CRIME.
No dia 14 de abril, no bairro da Boa Vista, em Garanhuns. Rogério Gomes Cabral, vulgo "Ro", matou seu irmão com disparos de arma de fogo dentro da sua casa, na frente da própria mãe, após uma discussão. Momentos depois, se dirigiu à Rua Tomé Cavalcanti onde residia o ajudante de pedreiro, funcionário seu e também ceifou a vida do mesmo. Os crimes, segundo as primeiras investigações teriam ligação com supostos desentendimentos entre os dois irmãos motivados por divergências na construção de um imóvel.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger