terça-feira, 29 de setembro de 2015

O VOO DE RANDOLFE: Senador pelo Amapá, nascido em Garanhuns, deixa PSOL e se filia à Rede, partido de Marina Silva

O senador Randolfe Rodrigues (AP) durante ato de filiação à Rede Sustentabilidade (Foto: Gustavo Garcia/G1)

O senador Randolfe Rodrigues (AP) se filiou nesta segunda-feira (28) à Rede Sustentabilidade, partido idealizado pela ex-senadora e ex-ministra Marina Silva. Randolfe é o primeiro senador a migrar para a nova legenda, que teve registro aprovado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na última terça-feira (22).

O senador disse neste domingo (27) que havia deixado o PSOL, partido pelo qual foi eleito para o Senado em 2014. Randolfe passou 10 anos no PSOL. Com a saída de Randolfe, o partido ficou sem nenhum representante no Senado.

Ao lado de Marina Silva, o senador afirmou que a nova legenda é "um encontro de diferentes, de democratas, de setores progressistas, de militantes socialistas, militantes comunistas."
"Eu vejo a Rede se confirmando como a grande novidade política dos próximos anos no Brasil", projetou Randolfe nesta segunda.

De acordo com Randolfe, a relação com o PSOL estava desgastada desde início de 2014, quando o senador desejou se lançar como candidato do partido à presidência da Repúblca, mas foi preterido no momento em que o PSOL escolheu Luciana Genro para encabeçar a chapa. O senador afirmou, contudo, que continuará "amigo" do antigo partido. Randolfe nasceu em Garanhuns/PE, mas mora no Amapá desde os oito anos. Atuou como professor na capital, Macapá e se elegeu senador em 2010 com uma das maiores votações proporcionais do país. 

Questionada sobre quantos parlamentares devem se filiar à Rede nos próximos dias, Marina Silva não quis dar números, mas afirmou que dialoga com vários congressistas."Nós não estamos fazendo esse cálculo pragmático, porque todo nosso esforço é um esforço programático e, assim sendo, nós estamos conversando com lideranças do Congresso Nacional, deputados estaduais, vereadores e prefeitos. Então, nós não estamos fazendo esse cálculo, nós estamos dialogando com aqueles que, por suas trajetórias – mesmo não sendo da militância sócio-ambiental –, que tem um DNA de vida compatível com aquilo que se dispõe a ser a Rede Sustentabilidade", afirmou Marina.

HELOÍSA TAMBÉM VAI PRA REDE
A ex-senadora Heloísa Helena, que hoje atua como vereadora em Maceió, também deixou o PSOL neste fim de semana e foi para a Rede. “Rede Sim! Porque Marina merece e o Brasil precisa!”, publicou Heloísa Helena no Twitter, com uma foto sorridente ao lado de Marina Silva.
Ex-senadora Heloísa Helena


 Fonte - G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens ofensivas não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
RSS Feedrss

 
Powered by Blogger